Home  >  Segurança

McAfee aponta as 10 celebridades “mais perigosas” de 2020

Músicos, comediantes e atores/atrizes são algumas das profissões que estão na lista

Da Redação

06/10/2020 às 9h00

Foto: Wikipedia

Pelo décimo quarto ano, a McAfee pesquisou quais nomes famosos geram os resultados de pesquisa mais arriscados, que podem levar os usuários de internet a instalar malware inadvertidamente em seus dispositivos. 

“Os consumidores estão buscando entretenimento online gratuito mais do que nunca, e como os cibercriminosos continuam a implementar práticas enganosas, como sites falsos que alegam oferecer conteúdo gratuito, é crucial que os fãs fiquem atentos à proteção de suas vidas digitais e pensem duas vezes antes de clicar em algum link”, afirma Baker Nanduru, vice-presidente do segmento de consumidor fina da companhia de segurança. 

Apesar do que a foto que ilustra essa matéria parece apontar, a cantora Taylor Swift não está no topo da lista de celebridades “mais perigosas”, apesar de ocupar um bom lugar no ranking: a sexta posição. 

O “pódio” da mais nova edição do estudo conduzido pela McAfee ficou com a atriz Anna Kendrick, que atuou em produções como Crepúsculo e A Escolha Perfeita. De acordo com o estudo, o nome da celebridade é o que gera links mais prejudiciais dentro da rede mundial de computadores. 

Confira, abaixo 10 maiores celebridades da edição 2020 do estudo americano 

  1. Anna Kendrick 
  2. Sean Combs 
  3. Blake Lively 
  4. Mariah Carey 
  5. Justin Timberlake 
  6. Taylor Swift 
  7. Jimmy Kimmel 
  8. Julia Roberts 
  9. Kate McKinnon 
  10. Jason Derulo 

Evite ameaças 

A McAffe aponta as seguintes práticas para diminuir as chances de ser vítima de um malware durante buscas na web: 

  • Cuidado ao clicar: Os usuários que procuram filmes populares da última década, assim como atualizações sobre suas celebridades favoritas, devem ser cautelosos e clicar apenas em links de fontes confiáveis. A coisa mais segura a fazer é esperar pelos lançamentos oficiais e aproveitar as plataformas legítimas de TV e streaming de filmes, em vez de visitar sites de terceiros que podem conter malware. 
  • Evite streaming ilegal e download de mp3s suspeitos: Quer os usuários prefiram curtir os maiores sucessos de Justin Timberlake ou correr para ouvir o álbum surpresa de Taylor Swift - é importante usar apenas plataformas de streaming de música legítimas, mesmo que tenham um custo. Muitos downloads ilegais estão repletos de malware ou adware disfarçados de arquivos mp3. 
  • Use software de controle parental: as crianças também são fãs de celebridades, então certifique-se de que sejam definidos limites para seus filhos em seus dispositivos e use um software de controle dos pais para ajudar a minimizar a exposição a sites potencialmente maliciosos ou inadequados. 

Tags