Fazer login no IT Mídia Redefinir senha
Bem-vindo de volta,
Digite seu e-mail e clique em enviar
Ainda não tem uma conta? Cadastre-se
Salvar em Nova pasta de favoritos

+

Criar pasta
Últimos favoritos Ver todos
Home  >  Plataformas

Organizações de serviços financeiros impulsionam nuvem híbrida, diz estudo

Segundo levantamento da Nutanix, metade das organizações entrevistadas aumentaram seus investimentos em nuvem híbrida a partir da Covid-19

Da Redação

27/01/2021 às 10h49

Foto: Adobe Stock

Os resultados do relatório da Nutanix, empresa de software para nuvem e soluções de infraestrutura hiperconvergente, apontam para uma transformação digital na indústria de serviços financeiros, com metade dos entrevistados (50%) relatando que a Covid-19 os fez aumentar seus investimentos em nuvem híbrida. De acordo com o estudo, segurança, privacidade e conformidade são as principais preocupações dos entrevistados ao executar aplicações em soluções de nuvem pública.

O terceiro relatório anual Enterprise Cloud Index, que avalia os planos das organizações para a adoção de nuvens privadas, híbridas e públicas, aponta que o modelo de nuvem híbrida deve crescer 39% nos próximos 5 anos. Este é o único modelo de TI que mostra um crescimento positivo entre os entrevistados de empresas financeiras.

Além disso, 43% das empresas de serviços financeiros planejam aumentar seus investimentos em nuvem privada este ano, 10% acima da média global (33%) - apontando que a adoção da nuvem privada é crucial para criar uma nuvem híbrida moderna. Inclusive, segundo o estudo, preocupações com a segurança estão impulsionando a adoção da nuvem privada.

As organizações do setor classificaram os problemas de segurança, privacidade e conformidade como os mais preocupantes ao executar aplicações em soluções de nuvem pública (62%). Os entrevistados estavam menos preocupados com a capacidade da nuvem pública (30%), mostrando que, embora a nuvem pública tenha recursos para oferecer suporte a infraestruturas de TI, a segurança de dados confidenciais não é negociável e as organizações estão procurando soluções alternativas, diz o relatório.

“Historicamente, as organizações de serviços financeiros exploraram as ofertas de nuvem pública ao desativar datacenters legados”, diz Tapan Mehta, Diretor de Marketing de Soluções para Indústrias da Nutanix. “No entanto, como o setor continua a ter mais interesse em questões de privacidade e conformidade de dados, as organizações estão se voltando à nuvem privada. Esse rápido aumento na adoção da nuvem privada serve como base para um modelo de nuvem híbrida, que deverá se tornar a norma do setor nos próximos anos”.

Hiperconvergência

O relatório aponta ainda que o investimento em infraestrutura hiperconvergente (HCI) mostra a confiança do setor na nuvem privada. Quase 50% dos entrevistados do setor financeiro afirmam que implementaram totalmente HCI ou estão em processo de implementação, enquanto 38% relatam que o farão nos próximos 12 a 24 meses.

As organizações de serviços financeiros também estão procurando otimizar seu uso de nuvem, diz o relatório. As principais motivações do setor para modernizar sua infraestrutura de TI são aumentar o controle do uso de recursos de TI (59%) e ganhar a velocidade (58%) e a flexibilidade necessárias (55%) para atender aos requisitos de negócios.

O aumento da adesão da tecnologia resulta ainda no crescimento de investimento em talentos que possam oferecer suporte a um ambiente de nuvem híbrida. Mais de um terço dos entrevistados de serviços financeiros (36%) disseram que não tinham as habilidades necessárias para gerenciar ambientes mistos de nuvem privada/pública, enquanto 34% disseram que não tinham experiência em tecnologias e contêineres nativos da nuvem, incluindo Kubernetes. Esses problemas têm contribuído para as dificuldades organizacionais com objetivo de adotarem totalmente a nuvem híbrida, segundo o estudo.

Este anúncio desaparecerá em:

Fechar anúncio

15