Home  >  Negócios

Microsoft pode ter engavetado projeto do Windows 10X

Apresentado em 2019, sistema operacional seria potencial concorrente do Chrome OS

Redação

07/05/2021 às 16h00

Laptop com logo do Windows 10X
Foto:

Legenda: Adobe Stock

A Microsoft pode ter engavetado o desenvolvimento do sistema operacional Windows 10X para dar mais espaço para a evolução do Windows 10, reportou o Petri nesta sexta-feira (07).

Apresentado em um evento especial da linha Surface, em outubro de 2019, o Windows 10X era visto como "nova expressão" do Windows, originalmente desenvolvimento para suportar dispositivos com múltiplos displays.

Por conta da pandemia, o foco na produção do software passou a ser outro: uma versão mais leve e simplificada do Windows, focada em laptops padrão com uma só tela. A mudança colocou o Windows 10X como um potencial rival do Chrome OS, uma versão do Windows mais moderna e orientada por recursos de nuvem.

A decisão da Microsoft veio como forma de tentar frear o crescimento dos Chromebooks ao longo dos últimos anos, em especial entre escolas e empresas. Dados do IDC sobre o ano de 2020 e divulgados em fevereiro, por exemplo, mostraram o Chrome OS superando o macOS em vendas pela primeira vez.

Citando fontes famíliares aos planos da companhia, a Petri aponta que a Microsoft mudou de ideia mais uma vez: o Windows 10X não será mais lançado em 2021 e não devem sequer chegar mais em sua formatação atual.

De acordo com a publicação, os recursos de desenvolvimento do 10X estão agora voltados para o Windows 10. Como já revelado anteriormente pela companhia, a expectativa é que um redesign ostensivo do Windows 10 seja anunciado ainda este ano, com lançamento previsto para a segunda metade de 2021.

(Com informações de Petri)