Fazer login no IT Mídia Redefinir senha
Bem-vindo de volta,
Digite seu e-mail e clique em enviar
Ainda não tem uma conta? Cadastre-se
Salvar em Nova pasta de favoritos

+

Criar pasta
Últimos favoritos Ver todos
Home  >  Negócios

Google Meet e Cisco WebEx se juntam para facilitar videoconferências

Acordo de interoperabilidade entre o Google e a Cisco permitirá que usuários entrem em uma reunião do Google em um dispositivo Cisco e vice-versa

Redação

09/09/2021 às 10h34

Cisco webex
Foto: Adobe Stock

O Google anunciou nesta quarta-feira (8) suporte para interoperabilidade bidirecional com dispositivos Webex da Cisco e hardware Google Meet. Com isso, os usuários poderão lançar uma reunião Google Meet no hardware Webex e uma reunião Webex no hardware Google Meet. A empresa espera oferecer disponibilidade geral ainda este ano.

A interoperabilidade de chamadas entre Meet e Webex é compatível com Series One Board 65, Series One Desk 27 e no restante do portfólio de hardware Google Meet, bem como Webex Room Series, Room Kit Series, Desk Series e Board Series.

“Planejamos dar aos usuários do Meet uma interoperabilidade de chamadas ainda mais ampla com suporte para outros serviços de conferência em um futuro próximo”, disse o Google em postagem no blog da empresa.

Sanaz Ahari, diretor sênior de Gerenciamento de Produtos do Google para o Workspace, disse que a empresa tentará assinar novos acordos com outros grandes provedores de videoconferência para ajudar os usuários a fazer login em mais tipos de dispositivos, de acordo com publicação do site Bloomberg.

“Queremos levar essa experiência mágica de baixo atrito aos nossos clientes”, disse Dave Citron, diretor de Produto do Google Meet, em uma entrevista. Citron afirmou ainda que outras novidades ainda surgirão da parceria com a Cisco.

A parceria surge em um esforço de tornar as experiências colaborativas à distância melhores, à medida que a pandemia ainda segue seu curso e novas variantes desafiam as previsões. O fabricante do WebEx vê a interoperabilidade como um caminho para reter os usuários existentes, diz o Bloomberg, enquanto o Google tem seus próprios desafios com o Google Meet, o qual não conseguiu conquistar uma grande fatia do mercado durante a pandemia.

O Google também revelou nesta quarta-feira um dispositivo tudo-em-um com sua marca, projetado para escritórios domésticos e pequenas salas de conferências corporativas. A tela Desk 27, de 27 polegadas, tornará mais fácil entrar em videochamadas e também pode funcionar como uma segunda tela para um laptop.

A gigante das buscas já trabalha com fabricantes como HP Inc. e Dell Technologies Inc. para seus computadores tudo-em-um Chromebase e lançou uma linha de hardware para reuniões em 2020 chamada Series One, destaca a publicação.

Citron disse que a empresa viu muito mais demanda por seu hardware de conferência porque quase metade de seus clientes estão redesenhando seus escritórios para um trabalho híbrido.

Este anúncio desaparecerá em:

Fechar anúncio

15