Fazer login no IT Mídia Redefinir senha
Bem-vindo de volta,
Digite seu e-mail e clique em enviar
Ainda não tem uma conta? Cadastre-se
Salvar em Nova pasta de favoritos

+

Criar pasta
Últimos favoritos Ver todos
Home  >  Negócios

Windows 11: A atualização sem sentido da Microsoft

Depois de algumas semanas usando o beta e uma semana com a versão final do Windows 11, ainda não encontrei um motivo real para usá-la

Steven J. Vaughan-Nichols, Computerworld

13/10/2021 às 20h00

Windows-11-Start
Foto: Divulgação/Microsoft

Às vezes, a Microsoft não tem escolha a não ser atualizar o Windows. O Windows Millennium Edition, também conhecido como Windows Me, era horrível. Seu sucessor, o Windows XP, era muito melhor.

O substituto do XP, Vista, era péssimo. A Microsoft nos fez esquecer o Vista com Windows 7, que para muitas pessoas – eu sou uma delas – era a melhor versão do Windows. A Microsoft então tentou, sem sucesso, substituí-lo pelos sombrios Windows 8 e 8.1. Então, a empresa acertou novamente com o Windows 10. E isso deveria ter sido o fim de tudo.

Embora o Windows continuasse recebendo atualizações importantes, como o Windows 10 versão 21H1, a marca ainda era o Windows 10 até não ser mais. Portanto, agora temos o Windows 11.

Você percebe um padrão aqui? A Microsoft parece alternar versões ruins e boas de sistemas operacionais. Se o Windows 10 fosse bom, o Windows 11 seria um sucessor ruim.

Depois de trabalhar com o Windows 11 por algumas semanas, eu não diria que é ruim. Em vez disso, considero sem sentido.

Sim, as atualizações de segurança do Windows 11 são boas – se você tiver o hardware certo. Mas, como mencionei recentemente, você já pode usar essas atualizações de segurança se estiver executando o Windows 10 20H2 (atualização do Windows 10 de outubro de 2020). Portanto, o objetivo da atualização do Windows 10 para o 11 é … o quê, exatamente?

Algumas pessoas acham que parece bom. É uma questão de gosto. Para mim, é "blé". É o rosto do Windows 10 com algumas "melhorias" cosméticas, como uma barra de tarefas com todos os seus ícones centralizados por padrão. O menu Iniciar voltou e agora vem com aplicativos fixados e recomendados. Os widgets do estilo do Windows 7 também voltaram. Eu não os uso, veja bem, mas eles estão lá. Ah, e Live Tiles, adeus! (Alguém já usou isso?)

Atualizar um PC existente para o Windows 11 ainda é uma espécie de aposta. Alguns processadores mais rápidos não conseguem executá-lo. E sem o Trusted Platform Module (TPM) 2.0, você não vai a lugar nenhum. Da meia dúzia de sistemas Windows 10 que eu ou minha parceira tínhamos em 2020, nenhum conseguia executar o Windows 11. Antes mesmo de pensar em mudar para o Windows 11, você deve executar o aplicativo PC Health Check da Microsoft.

Atualizar um PC com Windows 10 para 11 também consome muito tempo. Meu principal sistema de teste do Windows 11 é um PC em torre Dell XPS 8940 Special Edition. Esta unidade veio com um processador Intel Core 2,5 GHz i7-11700 de 11ª geração; Placa de vídeo AMD Radeon RX 5700 8GB GDDR6; 32 GB de RAM, uma unidade de estado sólido (SSD) PCIe M.2 de 512 GB e uma unidade de disco rígido SATA 7200 RPM de 1 TB; e está conectado à Internet com uma conexão Gigabit. Em outras palavras, esta é uma máquina rápida. E ainda demorei mais de uma hora para atualizá-la.

Isso que só tem eu no escritório. Mas, se eu tivesse que atualizar dezenas ou centenas de máquinas, seria muito caro para a equipe de TI e seus funcionários.

Ah, e eu mencionei que o Windows 11 diminui a velocidade das CPUs AMD Ryzen em 10% a 15% em aplicativos exigentes? Ou que o Windows 11 não funciona bem com o software de rede Intel Killer e SmartByte? A Microsoft prometeu que ambos os problemas seriam corrigidos até 12 de outubro.

Talvez tudo em breve fique bem . Mas o que me preocupa é que esses problemas são muito fáceis de detectar e são problemas fundamentais com o hardware AMD e Intel. Quer dizer, quem executa o Windows sem processadores AMD ou Intel? Como a Microsoft poderia não ter detectado e corrigido esses bugs muito antes do lançamento final do Windows 11? Que outros problemas com hardware ou software mais obscuros podemos esperar tropeçar?

Ah, e aqui está um problema que não vi a princípio porque executo o Windows 11 Pro. Acontece que:

Se estiver usando o Windows 11 Home, você deve ter uma conexão com a Internet e uma conta da Microsoft para executar o Windows 11. Sem Internet, sem conta da Microsoft: sem Windows 11. Você não pode configurar uma conta de usuário local ou usar o seu PC.

Claro, não há muitas pessoas nessa situação, mas elas estão lá fora. Eu sei. Gastei uma hora solucionando o que parecia uma falha na instalação do Windows 11 quando finalmente tropecei no soluço do Windows 11 Home. Obrigado, Microsoft.

Aqui está o meu resultado final. Não vejo nada bom o suficiente no Windows 11 para fazer valer a pena a atualização. O Windows 11 não me deixa nem um pouco mais perto de qualquer coisa que amo. É apenas uma atualização maçante e um tanto chata que posso felizmente ignorar.

Sem sentido realmente é uma boa expressão para isso.

Fique com o Windows 10 por enquanto. Eventualmente, você terá que comprar um novo PC com Windows 11, mas não há necessidade de se apressar. Se você realmente acha que quer algo diferente e potencialmente melhor, posso sugerir Linux Mint, um Chromebook ou Windows 365 Cloud PC?

Este anúncio desaparecerá em:

Fechar anúncio

15