Home  >  Negócios

Uber firma parceria com com fintech digio para criar linha de crédito para parceiros

Motoristas e entregadores poderão requisitar empréstimos de até R$ 5 mil reais; inicialmente, programa contemplará até 1 mil pessoas

Da Redação

23/09/2020 às 11h00

Foto: Shutterstock

A Uber anunciou recentemente uma parceria com a fintech digio para oferecer uma linha de crédito aos motoristas e entregadores que atuam na plataforma. Segundo a empresa, o formato inicial da parceria envolverá até 1 mil motoristas da empresa e oferecerá empréstimos entre R$ 1 mil e R$ 5 mil, com prazo de até 12 meses e taxa de juros de 2,97% ao mês. 

De acordo com a Reuters, o valor do empréstimo será retido pela Uber, dentro de um modelo de mercado bancário parecida com trava de recebíveis (no qual o empréstimo acontece usando como parâmetro os valores que a outra parte deve receber no futuro), mas a ride hailing não será responsável por autorizar os empréstimos e também não receberá parte da receita das operações. 

Um aspecto interessante desse acordo é que os pagamentos podem ser feitos semanalmente, de acordo com o o fluxo de entrada de receita para os motoristas e quem pagar de forma adiantará terá desconto sobre os juros. 

De acordo com Eid Tayar, superintendente de Novos Negócios do digio que falou à Reuters, esse modelo de crédito pessoal poderá ser escalado e eventualmente chegar a outras plataformas de intermediação de serviços de profissionais autônomos. “Isso vale para todo perfil de prestadores de serviço que têm recebíveis recorrentes”. 

Enquanto, para a digio, a parceria atua como uma oportunidade de expansão da sua carteira de clientes dentro de uma negociação envolvendo baixa chance de risco, o negócio se mostra positivo para a Uber como forma de ampliar entre a empresa e os parceiros, já que o objetivo é oferecer o serviço para toda a base ativa de motoristas e entregadores  - cerca de 1 milhão de pessoas. 

Tags