Home  >  Negócios

Microsoft anuncia nova região de data center no Brasil

Companhia também anunciou parceria com Ministério da Economia para impulsionar geração de empregos e formação em habilidades digitais

Carla Matsu

20/10/2020 às 10h27

Foto: Adobe Stock

A Microsoft anunciou nesta terça-feira (20/10) a inauguração de uma nova região de data center no Brasil. A instalação fica no Rio de Janeiro e já se encontra em operação, afirmou Tania Cosentino, presidente da Microsoft Brasil, durante o evento Microsoft Mais Brasil, que também revelou novas parcerias com o Ministério da Economia.

A companhia também trabalha para oferecer, até início de 2021, novas zonas de disponibilidade da Microsoft Azure para a região Sul do País. O primeiro data center da Microsoft foi inaugurado em São Paulo, em 2014.

O novo data center disponibiliza soluções de Disaster Recovery, ao mesmo tempo que garante serviços de baixa latência e resiliência, além de atender exigências da Lei Geral de Proteção de Dados (LGPD) para empresas que, por lei, devem armazenar dados de clientes localmente.

Educação e Trabalhador 4.0

A Microsoft também anunciou uma parceria com o Ministério da Economia que busca a requalificação e empregabilidade de trabalhadores. A pasta anunciou a “Escola do Trabalhador 4.0”, uma plataforma de ensino remoto que inclui cursos da Microsoft por meio da ferramenta Microsoft Community Training. A plataforma busca atender 5,5 milhões de candidatos a emprego até 2023. Como parte do compromisso, a gigante de tecnologia irá disponibilizar 58 instrutores para oferecer orientação personalizada para até 315 mil pessoas.

O serviço oferecerá mais de 20 cursos de tecnologia em diferentes níveis com base nas principais competências exigidas pelo mercado de trabalho - desde a alfabetização digital até módulos mais avançados de computação em nuvem, IA e ciência de dados. “O ser humano que não souber lidar com a tecnologia pode ficar sim obsoleto”, destacou Tania.

A companhia anunciou que também está doando créditos em nuvem e ferramentas, incluindo soluções que utilizam Inteligência Artificial disponibilizadas na Microsoft Azure para auxiliar na melhoria do Sistema Nacional de Emprego (SINE), este criado inicialmente em 1975.

A atualização da solução irá usar IA para conectar pessoas e suas habilidades a oportunidades de emprego relevantes, bem como encaminhar indivíduos para cursos de qualificação. A meta dessa solução é melhorar a empregabilidade para até 25 milhões de trabalhadores.

Para Carlos da Costa, Secretário Especial de Produtividade Emprego e Competitividade, que participou do evento, a expectativa é que a parceria eleve o Sistema Nacional de Emprego (SINE) a “fronteira dos sistemas do mundo todo”. “Usaremos IA para que as empresas encontrem os melhores candidatos”, reforçou o secretário.