Fazer login no IT Mídia Redefinir senha
Bem-vindo de volta,
Digite seu e-mail e clique em enviar
Ainda não tem uma conta? Cadastre-se
Salvar em Nova pasta de favoritos

+

Criar pasta
Últimos favoritos Ver todos
Home  >  Inovação

Lenovo se junta ao programa de acesso antecipado da Nvidia

Colaboração expande programa de acesso antecipado para o projeto Monterey da VMware para habilitar data centers acelerados e seguros

Redação

07/10/2021 às 16h05

Nvidia Logo
Foto: Shutter Stock

A Nvidia anunciou nesta terça-feira (5) a ampliação da colaboração com a Lenovo para incluir a participação no programa de acesso antecipado da Nvidia no Projeto Monterey, para habilitar data centers acelerados e seguros. A expansão do programa com a Lenovo amplia o alcance das nuvens híbridas VMware com tecnologia de DPU da Nvidia BlueField.

“A colaboração da Lenovo e da Nvidia no programa de acesso antecipado do Projeto Monterey permite uma mudança de solução fundamental para uma arquitetura de data center avançada com DPU”, afirma Kamran Amini, Vice-Presidente e Gerente Geral de Soluções Definidas de Servidor, Armazenamento e Software da Lenovo ISG. “As DPUs BlueField da Nvidia fornecem desempenho e segurança que aprimoram o data center moderno que é definido por software e acelerado por hardware”.

O Projeto Monterey, segundo a Nvidia, visa melhorar o desempenho, a capacidade de gerenciamento e a segurança dos data centers corporativos por meio das tecnologias de rede mais recentes, incluindo as DPUs BlueField da Nvidia. Construído para Inteligência Artificial (IA) e computação acelerada, as DPUs BlueField permitem a entrega de aplicações em qualquer escala, descarregando, acelerando e isolando as cargas de trabalho do data center.

Como parte do programa de acesso antecipado, os clientes poderão acessar remotamente o Projeto Monterey rodando no Dell EMC PowerEdge R750 e equipado com Bluefield-2 DPU da Nvidia, de acordo com publicação do site ZDNet. Ele será hospedado no ambiente da Nvidia.

Nvidia, Lenovo e VMware estão colaborando para desenvolver a arquitetura do data center, cloud e edge para serem definidos por software e acelerados por hardware para lidar com cargas de trabalho modernas, como IA e machine learning. O programa de acesso antecipado permite que as empresas conectem aos clusters pré-configurados habilitados para VMware acelerados por servidores BlueField, incluindo Lenovo ThinkAgile VX e ThinkSystem Ready-Nodes.

Com a colaboração, as empresas podem começar a realizar testes de seus projetos de IA usando VMware vSphere com Tanzu junto com o pacote de software Nvidia AI Enterprise, como parte das iniciativas de ambas as empresas para simplificar ainda mais o desenvolvimento de IA e o gerenciamento de aplicativos, destaca publicação do site ZDNet.

"A Nvidia investiu na construção de todos os componentes de nível de aplicativo em nuvem de próxima geração, onde agora você pode pegar as bibliotecas NGC, que são baseadas em contêiner, e executá-las em um ambiente VMware orquestrado pelo Kubernetes, então você está conseguindo a capacidade agora de fazer a ponte entre o mundo dos desenvolvedores e da infraestrutura", disse à imprensa Lee Caswell, Vice-Presidente de Marketing do Grupo de Negócios de Infraestrutura em Nuvem da VMware.

A Nvidia anunciou, em agosto, a disponibilidade geral do Nvidia AI Enterprise para permitir que as empresas virtualizem as cargas de trabalho de IA em servidores convencionais executando VMware vSphere.

Snippets HTML5 default Intervenções CW

Este anúncio desaparecerá em:

Fechar anúncio

15