Fazer login no IT Mídia Redefinir senha
Bem-vindo de volta,
Digite seu e-mail e clique em enviar
Ainda não tem uma conta? Cadastre-se
Salvar em Nova pasta de favoritos

+

Criar pasta
Últimos favoritos Ver todos
Home  >  Negócios

Brasileira Cortex, de inteligência de dados, recebe aporte de R$ 120 milhões pelo SoftBank

Montante, injetado pelo fundo latino americano do banco, será utilizado para desenvolver soluções e acelerar crescimento da empresa

Da Redação

02/06/2020 às 8h00

Foto: Shutterstock

A Cortex, companhia brasileira focada em inteligência de dados, anunciou na segunda (1) o aporte de R$ 120 milhões pelo Latin America Fund, fundo criado pelo banco japonês SoftBank para investir em negócios na região. As gestoras da capital Redpont eventures e Endeavor Catalyst também participaram da negociação. 

O modelo de negócio da empresa é baseado em uma plataforma SaaS de Big Data Analytics que integra em diversas fontes dados internos de desempenho do cliente para gerar previsões, recomendações e impulsionar uma melhor tomada de decisão. Unilever, Fiat Chrysler, L'Oreal, Roche, Carrefour, Visa e Claro são alguns dos clientes. 

“As soluções de inteligência de dados e big data são indispensáveis e desempenham um papel relevante no desenvolvimento do ecossistema de inovação na América Latina”, disse Marcelo Claure, CEO do Grupo SoftBank Internacional. “Estamos entusiasmados com nossa parceria com a Cortex, que tem a grande oportunidade de ajudar empresas em toda a região”. 

Fundada pelos empresários Daniel Pires e Leonardo Rangel, a Cortex possui escritórios no Rio de Janeiro e São Paulo. Em comunicado, a empresa informou que, apesar de seus clientes estarem concentrados no país, a marca também atende organizações em outros países da América Latina e Europa. 

“Com esse novo investimento, seremos mais fortes para continuar crescendo e buscando nosso objetivo de disseminar a cultura analítica no país por meio de nossas soluções de inteligência de dados. Esses recursos permitirão investimentos em nossa plataforma para adequá-la cada vez mais às necessidades de nossos clientes”, afirmou Pires, cofundador e Chief Costumer Growth da firma. 

Segundo Rangel, a injeção de capital visa reforçar o investimento no desenvolvimento do produto e acelerar ainda mais o crescimento da empresa. “Seja expandindo as equipes de marketing, vendas e sucesso dos clientes, ou adquirindo empresas da área de dados que sejam complementares às ofertas da Cortex”, complementa o executivo. 

Este anúncio desaparecerá em:

Fechar anúncio

15