Home  >  Plataformas

Twitter testa recurso que permite limitar respostas de seguidores na rede social

Recurso, segundo porta-voz da empresa, daria mais controle aquele que publica opiniões e outros conteúdos

Da Redação

21/05/2020 às 18h34

Foto: Shutterstock

O Twitter iniciou testes de um novo recurso que vai permitir que usuários limitem quem pode responder aos seus tweets. Na prática, antes de tuítar os usuários poderão escolher entre as opções: "quem pode responder?" à mensagem. Entre as alternativas estão "todo mundo", "só quem eu sigo" e "só quem está mencionado no tweet". Dessa forma, a rede social autorizará tweets que não poderão ser respondidos por ninguém. Neste caso, as pessoas poderão apenas visualizar, curtir e retuitar.

No momento, apenas um grupo reduzido de usuários tem acesso ao novo recurso. Vale lembrar que o fato de ser um teste, não dá garantias de que o recurso seja de fato implementando no futuro a todos os usuários.

A novidade, entretanto, teria efeito sobre respostas abusivas, por exemplo. Na visão de Suzanne Xie, diretora de gerenciamento de produtos, o recurso deve possibilitar novas conversas no Twitter, com a possibilidade do dono da conversa estar no controle.

"Ser capaz de participar e entender o que está acontecendo é essencial para conversas públicas úteis. Então, estamos explorando como podemos melhorar essas configurações para dar às pessoas mais oportunidades de pensar e ainda dar às pessoas o controle sobre as conversas que elas iniciam", escreve Suzanne em nota à impressa.