Home  >  Carreira

Cubo Itaú abre programa de seleção online com mais de 160 vagas em startups

Feira de contratações online e as entrevistas acontecem no dia 2 de junho. Selecionados serão distribuídos em startups que fazem parte do Cubo

Redação

14/05/2020 às 13h00

Foto: Shutterstock

O Cubo Itaú anunciou que a segunda edição do movimento Cubo For Devs, lançado no fim do ano passado, está com inscrições abertas. O objetivo é aproximar a comunidade de desenvolvedores ao universo do ecossistema de inovação e, para isso, existem mais de 160 vagas de trabalho disponíveis nas startups que fazem parte do hub.

O #TechTalents é um dos destaques do programa.  É uma parceria com a Gama Academy de recrutamento e seleção. A ideia é conectar talentos do setor e incentivar a troca de experiências e, como consequência, diminuir a lacuna que existe na busca por profissionais qualificados. A feira de contratações online e as entrevistas acontecem no dia 2 de Junho. Os escolhidos para as 160 vagas serão distribuídos em startups que fazem parte do Cubo. Para se inscrever e realizar os testes até o dia 28 de maio basta acessar este site. 

Renata Zanuto, co-head do Cubo Itaú, explica que o movimento Cubo For Devs foi pensado em função da forte demanda por desenvolvedores que o mercado enfrenta. “Mas quando fizemos o lançamento em 2019 não podíamos imaginar o que viria pela frente. Se ele já era de extrema importância para o fortalecimento da economia, que necessita de profissionais da área de tecnologia, imagina agora? Lançar a segunda edição do #TechTalents neste momento sensível se torna ainda mais importante, pois não resta dúvida sobre a importância da transformação digital nas empresas, que veio para ficar”, afirma.

Para ela, mostrar que existe demanda e que o mercado está aquecido é de extrema importância. Há oportunidades em startups que vão de soluções em RH à educação. As vagas são para front-end, back-end, full-stack e cientista de dados, desde estágio a profissionais com mais de cinco anos de mercado. As vagas podem ser remotas, presenciais em São Paulo ou para fora da cidade.

Como funciona o processo

O #TechTalents é dinâmico, com bastante conteúdo, capacitação e diversidade na forma de trabalhar. O processo é composto de meetups, eventos, conteúdo para capacitação e contratação na última etapa do processo. Mesmo sendo feito online todo o formato e teor são mantidos.

Serão realizadas três lives com conteúdo para os candidatos durante o processo seletivo, nos dias 13, 20 e 27 de maio. Serão abordados temas como: as principais skills necessárias de um programador diante das exigências do mercado de trabalho e como prezar pela qualidade da área no mercado com a demanda de desenvolvedores em alta.

“Um dos principais diferenciais no programa é o conteúdo que compartilhamos com os candidatos ao longo da jornada. Continuamos a parceria com a Gama Academy, que além de trazer novidades no teste online também irá entregar conteúdos por e-mail para o desenvolvimento dos Devs, dicas para o processo seletivo e entrevistas, entre outros”, explica Renata.

Cenário de talentos em tech no Brasil

A Organização Mundial de Propriedade Intelectual realizou estudo que mostrou que entre 129 países o Brasil é o 66º mais inovador (Índice Global de Inovação - IGI). É estimado que daqui a 10 anos haverá uma transformação digital que irá impactar 30 milhões de pessoas no mundo, mudando as relações de trabalho. Mesmo com o mercado aquecido a mão de obra especializada ainda não é suficiente.

Outro estudo, desta fez feito pela Gama Academy voltado para desenvolvimento profissional no mercado digital, aponta que havia, somente em janeiro desse ano, cerca de 2.849 vagas para desenvolvedores. O mapeamento, intitulado “Tech Jobs Report”, pesquisou vagas disponíveis em startups brasileiras. Foram mapeadas 352 startups, o que não representa nem 1% do total em todo o Brasil - o último levantamento feito pela Associação Brasileira de Startups apontou mais de 13 mil.