Home  >  Carreira

Avaliação de equipe: como medir os resultados do time à distância

O trabalho remoto pode dificultar o modo de avaliação da equipe e é fundamental se realinhar aos novos tempos

Da Redação

02/05/2020 às 12h00

Foto: Shutterstock

Se no ambiente do escritório, do lado dos seus funcionários, erros de avaliação podem acontecer, imagine isso à distância? Avaliar é difícil, erros podem custar caro e é preciso se adaptar aos novos tempos de equipes em boa parte remotas por conta da pandemia da covid-19.

"Agora, mais do que nunca, os líderes precisam se concentrar em adaptar e alterar seus processos para se ajustarem a uma nova normalidade de trabalhar em casa", escreve Bas Kohnke em artigo para a Fast Company.

Co-fundador de uma plataforma que visa melhorar a forma de equipes trabalharem e serem avaliadas, eles separou para o site algumas dicas fundamentais "que podem manter as equipes motivadas".

Desempenho em primeiro lugar

"Tratar o desempenho e o desenvolvimento dos funcionários como uma reflexão tardia com funcionários remotos não é o recomendado", avalia Bas. Avalie antes de ter problemas, constantemente e com eficácia, lógico.

"Manter o controle do desempenho do trabalho remoto e monitorar o desempenho dos funcionários em suas funções (e também em suas carreiras) é uma maneira infalível de tirar o melhor de cada um e criar um ambiente do qual eles querem fazer parte".

Feedback em tempo real

O trabalho remoto é a nova realidade em tempo de pandemia. Com a distância, que tal melhorar a cultura de feedback da empresa? "O feedback em tempo real é um ótimo complemento para as análises de desempenho tradicionais, pois fornece ao funcionário uma melhor compreensão do desempenho com frequência", escreve o profissional.

Ao mesmo tempo, o feedback em tempo real mantém o gerente ciente do estado de toda equipe e mantém cada funcionários mais bem colocado em como está sendo visto e como pode realizar seu trabalho.

Reuniões individuais em primeiro plano

A distante diminuí o volume e a qualidade das conversas que você tem com seus funcionários. "As videoconferências são úteis, mas você ainda não consegue ler as as pessoas como faria em um ambiente normal de escritório", afirma.

A tentativa de melhorar isso é substituir as reuniões coletivas por reuniões individuais - mais atenção e foco em conversas que não precisam ser necessariamente muito longas.

"Elas ajudam a promover um tipo especial de relacionamento entre colegas que é benéfico para o desempenho e a satisfação dos funcionários".

Avaliações rápidas

Ainda que a comunicação esteja em dia, a percepção total do que acontece ainda é falha. "Acompanhar a colaboração, produtividade, resultados, relacionamento entre gerente e funcionário, moral da equipe, desempenho e tudo mais à distância, atrás de um computador e sem contato pessoal com os funcionários é quase impossível".

A ideia de Bas para resolver isso é a criação de pesquisas de opinião que possam ser respondidas rapidamente por todos os funcionários. "Quando feito corretamente e executado com frequência, fornece uma visão geral sólida do progresso da equipe e dos sentimentos de cada um"

Avalie diferentes competências

"É muito comum ignorar as habilidades sociais ao avaliar a contribuição de alguém para uma organização", escreve Bas.

Ética profissional, trabalho em equipe, proatividade, auto-motivação e inteligência emocional, entre outros, são essenciais no trabalho remoto e quando existem facilitam o desempenho ao eliminar a necessidade de constantes avaliações.

"Os empregadores também precisam levar isso em consideração ao trabalhar no gerenciamento de desempenho, especialmente ao realizar revisões".

Tags