Home  >  Sem Categoria

Grin lança plano mensal de aluguel individual de patinetes e bicicletas

Em recessão, empresa lança serviço de assinatura em busca de receita recorrente; projeto-piloto válido apenas na cidade de São Paulo

Da Redação

06/04/2020 às 10h00

Foto: Shutterstock

A startup de patinetes Grin anunciou na semana passada a criação um plano mensal de aluguel individual de patinetes e bicicletas - isso significa, que o usuário não compartilhará o equipamento com outras pessoas, como o que acontece na locação de carros.

É o primeiro serviço lançado pela empresa depois que o controle acionário majoritário foi adquirido pelo grupo Mountain Nazca, em março.

Sob a nova direção, a marca Grow Mobility deixou de existir, sendo substituída pela Grin, mais conhecida do usuário brasileiro e presente em seis países da América Latina.

Detalhes

Batizado de Grin4U, o programa está em fase de testes apenas em São Paulo - as outras duas cidades onde a Grin atua, Rio de Janeiro e Curitiba, terão que esperar.

O valor do plano mensal é de R$ 249 para patinetes e R$129 para bicicletas - no lançamento, há promoção: R$ 199 para patinetes e R$ 99 para bikes. Para profissionais de serviços oficiais, que precisam se deslocar pela cidade, o valor é de R$ 99 para patinete e R$49 para bike.

Após o pagamento no app da Grin, o usuário recebe em casa com hora marcada o equipamento.

Todos receberão capacetes, que não precisam ser devolvidos, e, para quem contratar o serviço de patinetes, o carregador elétrico também estará no kit.

O usuário poderá rodar quantas vezes quiser pela cidade - problemas de manutenção, comuns a esses equipamentos, deverão ser reportados pelo app. Para participar do programa, é preciso ser maior de idade, ter conta válida na Grin e se cadastrar no site do Grin4U.

O serviço compartilhado da empresa de patinetes foi suspenso no dia 20 de março em São Paulo por conta da pandemia de convid-19. Com o colapso da Grow Mobility, a empresa deixou de operar em 14 cidades do Brasil.