Home  >  Carreira

Iniciativas práticas para otimizar seu aprendizado no inglês

Absorver um novo idioma requer tempo e dedicação, mas existem algumas práticas que podem melhorar a experiência de ensino

Da Redação

22/03/2020 às 12h00

Foto: Shutterstock

Dominar o idioma inglês se tornou um requisito fundamental dentro do mundo corporativo, por conta da globalização de empresas e a facilidade que a internet proporcionou para que pessoas vindas de diversos países possam trabalhar em um mesmo projeto.  

Apesar de essa habilidade realmente ter a capacidade de definir promoções ou aumentos, é necessário considerar aspectos como tempo e os recursos necessários para se aprimorar no conhecimento do idioma. Especialmente na vida adulta, quando aspectos como trabalho e família ocupam um tempo antes dedicado aos estudos. 

Mesmo que o esforço e o tempo dedicados ao aprendizado do idioma não consigam ser 'encurtados', já que a fluência de um idioma é um processo que leva um tempo, é possível adotar práticas que ajudam a otimizar o aprendizado, tornando-o mais efetivo em menos tempo.  

Confira uma lista de hábitos que capazes de melhorar a qualidade do seu aprendizado, apresentada por profissionais que atuam dentro do mercado de ensino de inglês: 

Defina metas específicas 

A melhor maneira de aprender é estabelecer objetivos que tenham relação com sua realidade e que sejam desafiadores e alcançáveis. Também não deixe essa meta seguir em aberto: estabeleça prazos claros. 

Um objetivo como "quero poder fazer uma apresentação em inglês" é muito vago. Em vez disso, procure algo como: "quero poder entregar confortavelmente uma apresentação de dez minutos em inglês sobre metas de vendas, sem usar um PowerPoint, até o final de agosto". 

Crie hábitos 

Encontre maneiras de praticar inglês todos os dias ou todas as semanas. O esforço regular cria impulso e cria hábitos de aprendizado. Por exemplo, tente ler um artigo do setor por dia, faça uma apresentação em inglês uma vez por semana ou escreva as atualizações semanais da equipe em inglês.

Acredite em si mesmo 

As pessoas que acreditam em sua própria eficácia são mais motivados e mais dispostos a assumir tarefas desafiadoras. Reflita se você realmente acredita que pode atingir suas metas estabelecidas.

Caso contrário, revise seus objetivos e torne-os menores ou mais gerenciáveis até confiar que poderá alcançá-los. 

Divirta-se durante o processo de aprendizado 

Pessoas com atitudes mais positivas em relação ao aprendizado de inglês se esforçam mais e aprendem mais do que pessoas com atitudes negativas.

Se você tem medo do tempo de prática de inglês, vale fazer um esforço para repensar sua abordagem. Seja criativo: leia a versão em inglês do seu livro favorito, por exemplo, ou inscreva-se em uma aula de algo que você goste. 

Consuma conteúdos feitos em inglês

Os livros didáticos e os testes práticos têm seu tempo e lugar. Mas materiais autênticos, como programas de TV, podcasts e palestras sobre TED, expõem você ao inglês em seu habitat nativo. Eles o preparam melhor para situações da vida real e geralmente são mais agradáveis do que materiais estritamente educacionais.  

Procure bons textos, assista a ótimos oradores e tente imitar o formato, a estrutura e o idioma daqueles cujo trabalho você admira. A exposição a materiais autênticos não apenas ajuda na proficiência no idioma, mas também pode aprimorar seu conhecimento de um campo específico. 

Peça feedback 

A pesquisa é clara: feedback rápido e frequente tem um enorme efeito no aprendizado. Procure feedback regular de professores e mentores enquanto pratica um discurso importante ou trabalha em uma proposta crítica de negócios. Encontre pessoas que gostam de escolher sobre idioma e gramática. Eles ajudarão a aperfeiçoar seu inglês. 

*Com informações do Harvard Business Review