Home  >  Negócios

5 iniciativas úteis que as PMEs podem adotar durante período de quarentena

Combinação entre planejamento estratégico e redução de custos é capaz de mitigar alguns dos impactos esperados para o momento

Da Redação

20/03/2020 às 9h00

Foto: Shutterstock

A expansão do novo coronavírus (Covid-19) no Brasil trouxe preocupações não apenas para a questão de saúde pública, mas também sobre a subsistência de pequenos e médios negócios, que serão afetados de forma significativa por conta do período de quarentena que o país está adotando nestas semanas. 

Apesar do inegável impacto que será sentido por esses comerciantes, existem algumas iniciativas que podem ser tomadas no sentido de ao menos mitigar a provável queda de clientes (e vendas) que será sentida no curto prazo. Abaixo, reunimos sugestões apresentadas pelo especialista em rede sociais Tulio Borgias e por Richard Harry, CEO da Macrobaby, para os pequenos e médios empresários. Confira: 

1. Ganhe tempo  

Veja todos custos que podem ser cortados. Faça uma lista e enumere tudo que possa ser temporariamente pausado. Corte ao máximo os gastos, converse e seja sincero. 

2. Negocie aluguéis e prazos  

Se o imóvel da empresa for alugado, entre em contato com proprietário explicando a situação e peça uma carência de 1 a 2 meses de aluguel, ou algum desconto devido à situação de emergência. Se o imóvel for financiado, faça a mesma coisa com a financeira.  

3. Aposte na criatividade e na internet  

Pense em novas maneiras de vender nesta época de dificuldade. Listar sua empresa e seus produtos em sites como Amazon, MercadoLivre e similares pode ser uma boa alternativa para seguir com as vendas.  

Procure os melhores marketplaces da internet (como Amazon, Mercado Livre etc) para oferecer aos usuários outro canal de compras do seu produto. Também é importante posicionar sua empresa digitalmente nas redes sociais. 

Investir na divulgação online e criar promoções fortes para manter algum fluxo de caixa é um aopção muito válida nessa hora. Lembre-se que as vendas online estão mais em alta nesta época de isolamento e quarentena.  

4. Utilize o WhatsApp Business para manter as vendas 

O WhatsApp é uma excelente ferramenta para se aproximar dos clientes. No entanto, antes de começar a disparar mensagens vendendo seus produtos ou serviços, aproxime-se do cliente, envolva-o e explique o diferencial do seu contato.  

Lembre-se de que, para o comprador, o WhatsApp é um recurso pessoal que ele utiliza para interagir com pessoas próximas. Qualquer mensagem que ultrapasse essa linha pode soar como invasiva, incomodar e fazer com que ele bloqueie o contato da sua empresa. 

5. Mantenha a calma  

Este é o passo mais importante. Caso seu planejamento seja realista e estruturado, será possível ultrapassar a fase mais complexa do momento atual para retomar a rotina no menor tempo possível.