Home  >  Negócios

TIM termina 2019 com lucro e alta de assinantes

Companhia italiana lucrou 48% em relação ao mesmo resultado de 2018 e apresentou crescimento de assinantes nos planos pré e pós-pago

Da Redação

13/02/2020 às 9h00

Foto: Shutterstock

A TIM divulgou nesta quarta (12) seus resultados financeiros de 2019 e os números ficaram no azul. No ano passado, a companhia obteve lucro líquido de R$ 3,7 bilhões de reais - percentual 47,9% maior do que em 2018. Boa parte dessa receita veio de serviços recorrentes, como assinaturas de pós pagos e serviços de fibra.

O lucro líquido normalizado ( que não considera as receitas e despesas fixas) ficou em R$ 2 bilhões, resultado 32,15 acima do mesmo período anterior.

A companhia também registrou aumento do seu número de assinantes: o segmento pós-pago fechou 2019 com 21,5 milhões de clientes (alta de 6,1%), alcançando o maior mix já registrado sobre a base total: 39,4%. 

Os planos pós-pagos, aliás, ajudaram a empresa a aumentar a taxa de gastos por usuário: o que foi importante, já que o número de assinaturas gerais acabou caindo. 

No aspecto cobertura, a empresa encerrou dezembro disponível em 3.477 municípios, representando 94% da população urbana do país.  Já a fibra ótica (conhecida pela sigla inglesa FTTH) chegou a 2,3 milhões de domicílios. Número que deve ser ampliado em 2020, já que a operadora pretende lançar o serviço em 16 novas cidades.

Tags