Home  >  Carreira

SoftBank lança programa para formar talentos em IA e Ciência de Dados

Curso Data Science for All (DS4A) será baseado em São Paulo e permitirá participação de candidatos fora do portfólio de investimentos do banco

Da Redação

05/02/2020 às 9h00

Foto: Shutterstock

Não é segredo para quem conhece o mundo de tecnologia que a falta de talentos é um dos principais problemas relatados pelas companhias. E a tendência é que essa escassez acabe se ampliando: segundo estudo da Associação Brasileira das Empresas de Tecnologia da Informação e Comunicação (Brasscom), o déficit de profissionais no mercado de TI pode chegar a 290 mil pessoas em 2024. 

Se esse número já é reduzido quando se pensa em tarefas mais corriqueiras do mundo da TI, como programação, a quantidade de pessoas capacitadas para áreas como Ciência de Dados e Inteligência Artificial consegue ser ainda menor. O que se mostra um impedindo real para o progresso de negócios, já que essas duas tecnologias serão cada vez mais essenciais para dar às companhias vantagens como escala e uso de dados para o objetivo de negócio. 

  • Leia na IT Trends: 

Conheça as 10 habilidades tecnológicas mais procuradas pelas empresas 

Learning agility e outras habilidades valorizadas pelos CEOs 

Pensando em proporcionar esse conhecimento para empresas do seu portfólio e também abrir a oportunidade de aprendizado para outras pessoas, o banco japonês SoftBank anunciou nesta semana um programa que dará treinamento e capacitação para essas duas habilidades. 

Detalhes do projeto 

Chamado Data Science for All (DS4A), o curso terá duração de 11 semanas, entre março e maio de 2020. O programa será baseado em São Paulo, mas residentes de cidades como Bogotá, Buenos Aires e Cidade do México poderão participar de forma remota. O treinamento e avaliação dos candidatos e alunos será feito pela plataforma Correlation One, que já executou uma iniciativa parecida para o governo colombiano. 

De acordo com o site do programa, os treinamentos em IA serão ministrados por instrutores da Universidade de Harvard e os participantes trabalharam em projetos reais comandados por alguma das marcas que compõem o portfólio do banco. 

Apesar de projetado para profissionais vindos de alguma das startups investidas pelo SoftBank (como Rappi, Quinto Andar, Loggi, Gympass etc), existem vagas disponibilizadas para o público externo. O requisito, em ambos os casos, é necessária formação em áreas como ciência, engenharia, matemática e tecnologia. 

 As inscrições para participação podem ser feitas até o dia 21 de fevereiro no site do DS4A, sendo que a empresa cobra uma taxa de US$ 5 mil dólares, que poderá ser paga em três formatos: patrocínio da empresa contratante; porcentagem de 15% nos 30 primeiros salários após ser contratado para uma vaga na área; ou até 24 parcelas do valor da matrícula.