Home  >  Carreira

7 influenciadores de tecnologia e seus conselhos para você se dar bem em 2020

Sugestões vão desde os aspectos técnicos até as competências comportamentais e emocionais

Da Redação

05/01/2020 às 14h00

Foto: Shutterstock

O setor de tecnologia mostrou ser um dos mais dinâmicos da economia em 2019. Mas como se dar bem na área em 2020? Sete conhecidos influenciadores digitais do segmento refletem sobre o tema e aconselham profissionais que buscam fazer a diferença em 2020.

As sugestões vão desde os aspectos técnicos até as competências comportamentais e emocionais, as chamadas soft skills, que podem ajudá-lo a alcançar mais conquistas nos próximos meses. Confira os conselhos abaixo reunidos pela HostGator, multinacional de hospedagem de sites e serviços online.

Descubra a forma de estudar que é mais eficiente para você

Na área de tecnologia, as mudanças costumam ser tão rápidas que estudar e aprender são atividades presentes em toda a vida profissional. “Por isso, descobrir a forma de aprender o que mais te agrada será um passo importante para o seu sucesso", aconselha Vanessa Weber, que produz o canal Código Fonte em parceria com o marido Gabriel Fróes.

Eles ressaltam que enquanto algumas pessoas são mais visuais, outras são auditivas, cinestésicas ou focadas na leitura e escrita. “Nós, que somos apaixonados pela área, gostamos de tudo e queremos aprender mais e mais. Mas sem ter um objetivo claro, é fácil perder o foco e se perder na carreira”, alerta Fróes.

Para ser um programador, aprenda o que é básico e importante

Está cada vez mais claro que a demanda das empresas por programadores está maior do que a oferta de profissionais qualificados. Estudar programação, portanto, é um bom negócio. Mas Reinaldo Silotto, do canal TekZoom, deixa um alerta: “Não siga a onda das modinhas da programação”. Seu conselho para os potenciais desenvolvedores é focar nas linguagens que são mais importantes e básicas dentro desse universo. “Foque-se em aprender o que realmente é importante, e não o framework da moda”.

Renda-se às ferramentas de código aberto

Dionatan Simioni, fundador do blog e canal Diolinux, é um ferrenho defensor das ferramentas open source, com código-fonte aberto e que dispensam a compra de licenças. Por isso, seu conselho para quem quer se dedicar à programação é focar as atenções em sistemas como o Linux. “Há uma grande demanda no mercado. As empresas estão focando em soluções que aumentam a estabilidade, são populares e reduzem custos, e a tecnologia de código aberto é essencial para a saúde financeira delas”, afirma.

Pense no usuário antes de desenvolver uma aplicação

Com a disseminação dos smartphones, o desenvolvimento de aplicações para dispositivos móveis virou uma febre. Mas elas valem para tudo? A provocação é do influenciador Rodrigo Branas, que sugere uma leitura atenta de cada situação para então identificar a solução mais adequada - que às vezes pode ser um simples site.

Leia também na IT Trends

Acesse seu modo high effort

Se estudar é uma constante na tecnologia, também é verdade que os meios importam mais do que os fins em si. Para o influenciador Filipe Deschamps, vale a pena identificar seu modo “high effort” e dedicar-se a aprender durante o processo. “Pare de tentar encontrar um atalho para pular o processo. Se esforce ao máximo para que o processo seja o melhor atalho - seja para aprender a programar, tocar um instrumento musical ou produzir vídeos”.

Para entrar no modo de alto esforço com mais facilidade, Deschamps sugere adotar como prática a tentativa de surpreender quem quer que requisite uma tarefa, como um professor ou um chefe. “Não faça isso por eles, mas por você mesmo”.

Dê o primeiro passo e comece logo seus projetos

“Daqui 5 anos você vai desejar ter começado hoje”. O influenciador Bruno Germano ouviu essa frase anos atrás e a transformou em um mantra para a vida - e em um conselho para quem o cerca. “Eu sempre tinha uma desculpa perfeita para não começar um canal no Youtube. O problema era a falta de equipamento, de microfone, de luz”, conta. “A gente fica esperando o melhor momento para fazer as coisas, se preparando e aprendendo, quando na verdade isso é uma projeção do que achamos que vamos precisar no futuro”. Mas como é possível descobrir o melhor momento para começar? Começando, brinca Germano. “Dar o primeiro passo é simbólico porque nos leva para um lugar novo, que é pelo menos um passo distante de onde estava antes”.

Alavanque sua carreira de desenvolvedor em quatro etapas

Bullas Attekita, do canal Attekita Dev, ensina quatro passos para alavancar uma carreira na área da programação em 2020. A primeira dica é nunca se deixar estar na zona de conforto, ainda que o ambiente de trabalho convide a isso. A segunda é desenvolver a proatividade, dando o melhor de si a cada projeto. A terceira dica envolve ter foco na produtividade, o que é possível com um pouco de organização, planejamento e metodologia de trabalho. Por fim, a quarta dica lembra, sozinho, ninguém chega a lugar algum. “Escute sempre sua equipe e seus colegas de profissão”.

Tags