Home  >  Segurança

Twitter corrige falha e recomenda a usuários do Android atualizar app – o mais rápido possível

Vulnerabilidade dava acesso a mensagens privadas, além da possibilidade do invasor tuitar, ler, acessar tweets protegidos e informações de localização

Da Redação

24/12/2019 às 14h00

Foto: Shutterstock

Ainda dá tempo. O Twitter alertou na última semana sobre uma vulnerabilidade de segurança em seu aplicativo para Android que pode ter permitido que cibercriminosos acessassem mensagens privadas de usuários.

A rede social informou ter corrigido a vulnerabilidade. No entanto, para que tenha efeito é necessário que seus usuários atualizem o app - o mais rápido possível.

De acordo com um post no blog oficial da empresa, essa falha dava acesso a mensagens privadas, além da possibilidade do invasor tuitar, ler, mandar mensagens, acessar tweets protegidos e informações de localização.

A rede social não deu detalhes de como descobriu a falha de segurança. "Não temos evidências de que código malicioso tenha sido inserido no aplicativo ou que essa vulnerabilidade tenha sido explorada, mas como não podemos ter certeza absoluta, estamos tomando cuidado extra", escreveu a empresa. "Tomamos as medidas para corrigir esse problema e notificamos diretamente as pessoas que poderiam ter sido expostas a essa vulnerabilidade por meio do aplicativo do Twitter ou por e-mail com instruções específicas para mantê-las em segurança".

Também nesta última semana, o Twitter revelou que removeu quase 6 mil contas vinculadas a uma campanha de desinformação criada na Arábia Saudita. "Essas contas representam a parte principal de uma rede maior de mais de 88.000 contas envolvidas em comportamento de spam em uma ampla variedade de tópicos. Suspendemos permanentemente todas essas contas do serviço", disse o Twitter.

Leia mais na IT Trends