Home  >  Negócios

XP Inc. estreia na Bolsa com um dos IPOs mais valiosos de uma empresa brasileira

Em sua estreia na Nasdaq, XP Investimentos levantou US$ 2,2 bilhões e chegou a atingir US$ 18 bilhões em valor de mercado

Da Redação

12/12/2019 às 8h38

Foto: Reprodução

A XP Investimentos lançou seu IPO (Oferta Pública Inicial) na bolsa americana Nasdaq nessa quarta-feira (11/12). Com a oferta, a XP conseguiu levantar US$ 2,25 bilhões e atingir US$ 18 bilhões em valor de mercado. O fundador e CEO da XP Inc, Guilherme Benchimol, destacou durante a abertura que tratou-se do "maior IPO da história em termos de valor de mercado", em comparação a outras empresas brasileiras. As ações da XP subiam 27,63% na quarta.

Segundo informações da Exame, do valor levantado, 1,1 bilhão será destinado ao caixa da empresa. Benchimol explicou que o dinheiro deve ser usado em uma série de iniciativas. A construção de um banco deve ser a principal delas.

“O foco é fazer mais do mesmo e melhor, e para isso é preciso de uma licença de banco, para que possamos oferecer soluções bancárias e cortar o cordão umbilical com o banco. Vamos investir muito nessa vertical e construir tudo do zero”, disse.

Um banco XP?

Vale lembrar que, no começo de outubro, o Banco Central concedeu à XP a autorização para o lançamento do Banco XP. Dessa forma, a companhia poderá atuar, além do investimento, como banco múltiplo. A companhia poderia ainda entrar no ramo de cartões de crédito, débito e criar um app com funções integradas com a corretora.

Por que abrir o IPO fora?

Benchimol afirmou que optou por abrir capital no exterior para se conectar aos “principais investidores do mundo” e para ter mais controle da companhia.

“Optamos pela listagem na Nasdaq porque acreditamos que nos conectará com os principais investidores do mundo, trazendo as melhores práticas internacionais para a nossa empresa, além de nos dar espaço para novas emissões de ações, sem colocar em risco o controle da empresa e a sua total independência – fato esse que não seria possível por meio da legislação brasileira atual”, disse o executivo em comunicado.

Quanto vale?

A ação da XP Inc. foi precificada em US$ 27 ou R$112, acima da faixa indicativa de preço da Securities Exchange Commision (SECD) que estabelecia o valor dos papéis entre US$ 22 a US$ 25. No total foram ofertadas 83 milhões de ações. A demanda superou 14 vezes o volume ofertado.

“A ficha não caiu ainda. Algo que para nós era impossível, uma história que começou em uma sala pequena e hoje se transformou em uma empresa com nove mil clientes no Brasil, 600 escritórios e 2500 funcionários. Isso comprova que este é um grande passo para se conectar aos maiores investidores do mundo”, afirmou Benchimol durante a abertura de capital.