Home  >  Negócios

EUA prorroga por mais 6 meses licença de comércio interno para a Huawei

Bloqueio solicitado por governo Trump estaria afetando negativamente a indústria de microprocessadores e semicondutores

Da Redação

19/11/2019 às 13h00

Foto: Shutterstock

O Departamento de Comércio dos Estados Unidos prorrogou por mais 6 meses o tempo que empresas de telecomunicações rurais dos EUA tem para realizar transações com a Huawei, fabricante de smartphones e provedora de tecnologia da China. Informações são do portal americano Politico.  

De acordo com o portal de notícias, a licença permite que empresas do país possam realizar um número limitado de transações com a chinesa de tecnologia, como compra de equipamentos, fornecimento de redes e atualização de patches de software. A autorização também permite que a Huawei compre os hardwares e softwares de origem americana necessários para continuar fornecendo rede a essas empresas de telecomunicação rural.   

A Huawei se tornou persona non grata na gestão de Donald Trump em maio deste ano. Logo após a decisão do governo americano, a China criticou a decisão, afirmando ser fortemente contra a atuação de outros países no sentido de impor sanções unilaterais a instituições chinesas. Em agosto, o Departamento de Comércio dos Estados Unidos concedeu uma licença de 90 dias para que a Huawei possa negociar com fornecedores do país.  

Representantes da indústria de microchips e semicondutores dos EUA argumentam que a proibição de exportação está prejudicando as empresas dos EUA, pois obriga a Huawei a procurar fornecedores de outros países como Coréia do Sul e Taiwan. 

Wilbur Ross, secretário do Departamento de Comércio dos EUA e um dos principais responsáveis pela prorrogação da licença, reconheceu em agosto deste ano que diversos provedores de telecomunicação rurais dependem de equipamentos fabricados e fornecidos pela Huawei.  

No entanto, essa licença não permite grandes transações entre a Huawei e empresas norte-americanas como a Qualcomm e Micron, fabricantes de microchips que fornecem hardware e tecnologia para a marca asiática. Para a formalização de contratos

Tags