Home  >  Segurança

Usina nuclear na Índia é alvo de ataque hacker

Sistemas da usina, no entanto, não teriam sido danificados

Da Redação

05/11/2019 às 10h00

Foto: Shutterstock

De acordo com consultoria de segurança britânica, somente computadores do setor administrativo foram invadidos. Usina não sofreu nenhuma alteração nos processos de produção de energia nuclear

A usina de energia nuclear do governo da Índia admitiu na última quarta-feira (30) que sofreu um ataque hacker em setembro deste ano. No entanto, segundo a Corporação de Energia Nuclear da Índia (NPCIL), os sistemas da usina não foram danificados.

De acordo com a NPCIL, os hackers tinham como alvo os sistemas do Projeto de Energia Nuclear de Kudankulam (KKNPP), que fica em Tamil Nadu, na região sul do país. Aparentemente, eles só teriam acessado computadores do setor administrativo da usina, mantendo os processos operacionais intactos.

Em comunicado à imprensa, a NPCIL explica que identificou um malware no sistema da companhia e que foi investigado por especialistas no mesmo dia que encontrado. "A investigação revelou que o PC infectado pertencia a um usuário conectado à rede usada para fins administrativos. Isso é isolado da rede interna crítica. As redes estão sendo monitoradas continuamente. A investigação também confirma que os sistemas da planta não foram afetados”.

De acordo com o Indian Express, o Centro Nacional de Segurança Cibernética (NCSC), órgão de consultoria de segurança do governo britânico, visitou o local em setembro deste ano, onde realizou uma auditoria de segurança digital. Segundo o jornal, o NCSC confirmou que os computadores do setor administrativo foram invadidos. Em outubro deste ano, o NCSC enviou um comunicado com recomendações de segurança aos funcionários da KKNPP.

 

Tags