Home  >  Plataformas

‘De jeito nenhum’: diz CEO do Twitter sobre se juntar à Libra do Facebook

Jack Dorsey manifestou interesse em criptomoedas não centralizadas, mas não naquela de autoria da empresa de Mark Zuckerberg

Da Redação

01/11/2019 às 18h09

Foto: Shutterstock

O CEO do Twitter, Jack Dorsey, disse durante um evento de mídia do Twitter, em Nova York (EUA), que a rede social que fundou nunca irá se juntar ao projeto de criptomoeda do Facebook, a Libra. Indagado sobre o assunto, ele respondeu: "de jeito nenhum". As informações são do The Verge.

"Não é um padrão aberto da Internet que nasceu na internet", disse Dorsey. "Nasceu da intenção de uma empresa e não é consistente com o que pessoalmente acredito e com o que quero que nossa empresa defenda", criticou.

No entanto, como informa o portal, ao mesmo tempo que nega uma parceria com o projeto de criptomoeda, Dorsey mostrou entusiasmo com a ideia de uma moeda digital descentralizada. "Acho que a Internet é um estado-nação emergente em quase todos os aspectos", disse no evento. "Ela tem quase uma moeda na forma de criptomoeda e bitcoin."

Nas últimas semanas, o projeto de criptomoeda do Facebook sofreu com a saída de empresas chaves, como a Mastercard, Visa e eBay. Na semana passada, Zuckerberg depôs ao Congresso dos Estados Unidos sobre o tema. Maxine Waters, deputada e presidente do Comitê, havia pedido para que a empresa suspendesse o desenvolvimento da Libra até que autoridades consigam compreender suas implicações financeiras.

Durante seu depoimento ao congresso americano, Zuckerberg pediu que os legisladores tratem o projeto de criptomoeda como uma iniciativa separada do Facebook. No entanto, por ser de autoria da gigante rede social, o projeto deve ser avaliado com cautela pelas autoridades.