Home  >  Negócios

Bill McDermott, ex-SAP, assume posição de CEO na ServiceNow

John Donahoe, que estava no cargo de liderança da ‘Service’, irá para Nike; dança das cadeiras deve ser concluída até o final do ano

Da Redação

23/10/2019 às 8h26

Foto: Shutterstock

Após anunciar sua saída da SAP após nove anos no cargo de CEO, Bill McDermott colocou uma pulga atrás da orelha do mercado: teria o executivo decidido tirar um sabático, "pendurar as chuteiras" ou atualizar o LinkedIn? Acertou quem pensou na recolocação: a ServiceNow, empresa americana de computação em nuvem, é seu novo lar corporativo.

Em comunicado feito na tarde de segunda (22), a companhia de Santa Clara informou que McDermott ocupará os cagos de presidente, CEO e membro do conselho de diretores no lugar de John Donahoe, atual diretor-executivo, que irá para a Nike no início de 2020 —mas continuará no conselho até junho do mesmo ano.

A ServiceNow também aproveitou o anúncio para destacar os bons resultados obtidos pelo futuro CEO durante a gestão da gigante alemã: sob o comando de McDermott, a SAP “triplicou seu valor de mercado para aproximadamente US$ 140 bilhões, tornando-se uma empresa global de software com mais de 437.000 clientes em mais de 180 países”

“A ServiceNow é uma das empresas de inovação e crescimento mais interessantes do mundo”, afirmou McDermott “Ela possui uma plataforma transformacional, colegas imensamente talentosos e potencial ilimitado. Fred Luddy nos deu uma base duradoura sobre a qual construir o futuro brilhante da empresa. Considero uma honra pessoal suceder John e ajudar a levar o orgulhoso legado da ServiceNow para o próximo capítulo. Estou empolgado e mal posso esperar para começar! "

Além de apresentar o novo CEO, a ServiceNow também deu uma prévia sobre os resultados do terceiro trimeste: crescimento ano a ano da receita em 35% e aumento ano a ano de 29% do serviços de assinaturas oferecidos pela marca.