Home  >  Carreira

Sua carreira está mudando. O que você pode fazer a respeito?

60% das ocupações no Brasil poderão ser substituídas por automações nos próximos anos. Tema será discutido durante IT Forum X

Da Redação

14/10/2019 às 18h00

Foto: Shutterstock

Desde o início da Revolução Industrial, no século 18, o trabalho tem passado por transformações importantes. Agora, com a chegada da Indústria 4.0, mais uma vez os seres humanos terão de aperfeiçoar suas habilidades.

De acordo com uma pesquisa realizada pela IDados, baseada em informações da Pesquisa Nacional por Amostra de Domicílios (Pnad) Contínua do IBGE e com levantamentos da Universidade de Oxford, quase 60% dos empregos formais e informais no Brasil poderão ser substituídos por automações nos próximos 10 a 20 anos. Entre as ocupações com maior risco de extinção estão as de baixa complexidade, repetitivas e que não dependem de criatividade e de relações interpessoais.

Apesar das rápidas mudanças, é consenso entre os especialistas de que outras profissões serão criadas e passar por processos de transformação. Segundo a Comissão Econômica para a América Latina e Caribe (CEPAL), 65% das crianças que hoje estão na educação básica terão empregos que ainda sequer foram inventados.

Todo esse cenário está exigindo que os trabalhadores passem por adaptações para se manterem relevantes no mercado. Entre as principais medidas que os profissionais devem tomar está o investimento em educação continuada, treinamento e capacitações. Além disso, é fundamental trabalhar o desenvolvimento de habilidades como comunicação, liderança e empatia, competências que máquina alguma conseguirá substituir.

Pensando em esclarecer as mudanças das carreiras do futuro e como as pessoas terão de se adaptar às novas exigências do mercado de trabalho, especialistas abordarão o tema durante o painel "Lifelong learning. A importância do aprendizado ao longo da vida e por que isso importa?", que acontecerá no dia 17/10 durante o IT Forum X. A 7ª edição do evento receberá mais de 250 palestrantes em diferentes palcos e praças de conteúdo. O tema principal desse ano será “Eu 5.0”, que busca posicionar o ser humano no centro da discussão tecnológica.

Para falar sobre o assunto estarão presentes:

Rodrigo Parreira, Logicalis

Rodrigo Parreira é Chief Executive Officer (CEO) da Logicalis Latin America. Nascido em Porto Alegre, Parreira é bacharel em Física e doutor em Física Matemática pela Universidade de São Paulo (USP). O executivo começou sua carreira como pesquisador e professor na Universidade de Princeton nos EUA. Após passagens pela McKinsey do Brasil e pela consultoria espanhola Cluster Consulting, sempre atuando na área de TI e telecomunicações, se juntou ao Grupo Promon em 2000, ocupando vários cargos executivos na Promon IP, Promon Engenharia e Promon Tecnologia. Após a fusão da Promon Tecnologia com a Logicalis, em 2008, assumiu a posição de CEO da Logicalis Cone Sul e, a partir de 2012, tomou a responsabilidade sobre as operações da Logicalis na América Latina.

Marcos Sanchez, Saint Paul Escola de Negócios

Mestre em Engenharia voltada para Tecnologia da Informação, com certificação em Gestão de Projetos PMI-PMP, Marcos Sanchez tem 23 anos de experiência na área de TI, sendo os últimos 16 anos como CIO, CTO e CDO. Sua carreira foi desenvolvida na gestão de projetos e inovação na área de TI, atuando em áreas como Logística, Varejo, Distribuição, Educação e Finanças, sendo a maior parte do tempo atuando em instituições de ensino, onde desenvolveu projetos inovadores como implantação da biometria (finger print) para lista de presença de alunos, integração de sistemas em processos de fusão, implantação de campus inteligente com soluções Cisco, desenvolvimento e implantação de sistema de apoio ao ensino entre outros. O executivo também atua como professor das disciplinas de Análise de Sistemas, Gestão de Projetos, Sistemas de Informação voltado a Logística, Hotelaria e Administração, Qualidade de Software, Banco de Dados, Inovação em Tecnologia e TI para Gestores. Atualmente é Diretor de Digital e Tecnologia na Saint Paul Escola de Negócios, onde participou do desenvolvimento do projeto LIT, primeira plataforma do mundo a utilizar a tecnologia IBM Watson como tutor para ensinar temas de negócios aos alunos. Ganhador do Prêmio Executivo de TI do Ano 2018.

Bruno Leonardo, Witseed

Bruno Leonardo é mestre em engenharia de produção, com foco em gestão e Inovação pela COPPE/UFRJ e Engenheiro de Produção pela UFRJ. É cofundador e CEO da Witseed, edtech que auxilia profissionais e empresas a atingirem seus objetivos por meio de vídeos com produção cinematográfica.

Wagner Sanchez, FIAP

Wagner Sanchez é Doutor e Mestre em Engenharia Biomédica, especialista em Redes Neurais Artificiais, psicopedagogo pela PUC, pós-graduado em Engenharia de Software e Bacharel em Análise de Sistemas. É também Diretor Acadêmico, Pesquisador e Professor da FIAP. Com mais de 20 anos de experiência em consultoria e docência nas áreas de Tecnologia, Educação e Inovação, o especialista é coautor de importantes livros e fonte dos principais meios de comunicação em tecnologias exponenciais.

O painel será mediado por Reynaldo Gama, graduado em Administração de Empresas, pós-graduado em Finanças pelo INSPER e com MBA pela FIA/USP – com extensão na China, França e Inglaterra. Possui mais de 12 anos de experiência no mercado financeiro. Atuou como superintendente executivo no banco Itaú Unibanco, sendo o responsável pelo Cubo Itaú. Atualmente, é o CEO da HSM e Co-CEO da Singularity University Brazil.

O IT Forum X acontecerá nos dias 16 e 17 de outubro no Transamérica Expo Center, em São Paulo. Outros temas como big data, metodologias de aceleração, cidades inteligentes, 5G e conectividade serão abordados durante o evento. Para mais informações, clique aqui.

 

Tags