Home  >  Negócios

Neon Pagamentos cresce com novos serviços e produtos para clientes PJ

Fintech ultrapassou 1,6 milhão de clientes ativos e atingiu faturamento sete vezes maior do que no ano passado

Da Redação

09/10/2019 às 15h00

Foto: Facebook Neon

Uma das pioneiras no setor brasileiro de fintechs, a startup Neon tem razões para comemorar: nos últimos doze meses, o faturamento cresceu sete vezes em relação ao mesmo período do ano passado, ultrapassou a marca de 1,6 milhão de clientes ativos e o crescimento de abertura de contas está em 15% ao mês. Para manter o ritmo, a empresa de pagamentos vem apresentando estratégias que visam fidelizar o público atual e conquistar novos mercados.  

A companhia vem unindo esforços para oferecer produtos atraentes ao público compostos por pessoas jurídicas. Em novembro, a companhia lançou o Neon Pejota, plataforma voltada para para MEIs, autônomos e pequenas empresas. E, no mês passado, anunciou a compra da MEI Fácil, de serviços financeiros para microeemprendedores individuais. 

Incluindo os clientes da nova empresa, a fintech já possui 350 mil contas de pequenas empresas e pessoas jurídicas abertas alcançou 350 mil. Para dezembro de 2020, a meta da companhia está em mais de 1,5 milhão de clientes corporativos compostos principalmente por microempresas com faturamento de até R$ 81 mil ao ano.  

 

Perfis diferentes, desejos iguais 

A Neon também criou iniciativas para engajar os usuários já existentes. A fintech rodou uma pesquisa tanto para as pessoas físicas como jurídicas e descobriu que, em ambos os casos, o desejo dos correntistas é entender melhor a divisão de gastos e receitas e como é possível economizar e investir o dinheiro poupado. 

Além de inclusão de ferramentas dentro do aplicativo que possibilitassem esse controle (funcionalidade que já existia), a companhia também investiu em iniciativas externas de engajamento. Um exemplo é o Desafio de 52 Semanas”, grupo no Facebook criado para trocar experiências sobre como economizar. Nele, clientes de ambos os perfis compartilham dificuldades e dicas para melhorar a gestão financeira. 

 

Investimento a caminho ?

Para aumentar os investimentos em novos clientes e melhorias internas, a Neon estaria fechando uma rodada de investimentos com a General Atlantic e com o Banco Votorantim, mas a empresa não confirma se o rumor é verdadeiro. 

A General Atlantic tem no seu portfólio empresas XP Investimentos, Quinto Andar e Arco Educação, enquanto o Banco Votorantim já investiu em outras fintechs. Sem contar que, desde o ano passado, a instituição já é parceira do Neon e ajuda a processar os pagamentos realizados pela fintech. 

Caso a notícia se concretize, essa será a segunda rodada de investimentos da firma após sua fase inicial. A anterior, realizada em maio do ano passado, levantou R$ 72 milhões de fundos como elos PropelVentures, Monashees, Quona, Yellow Ventures, Omydiar Network e Tera Capital. 

 

*Com informações do Valor Econômico