Home  >  Negócios

Microsoft nomeia Emma Walmsley, CEO da GSK, para Conselho de Administração

Movimento reforça diversidade de membros do board e também denota interesse da empresa em se aproximar do mercado de saúde

Da Redação

23/09/2019 às 16h00

Foto: GSK

A Microsoft anunciou recentemente a nomeação de Emma Walmsley, CEO da companhia de cuidados com a saúde GSK, para uma das cadeias do seu conselho de diretores. De acordo com o comunicado da firma, o nome de Walmsley será apresentado aos acionistas no dia 4 de dezembro, quando ocorrerá a votação para oficializar sua entrada no board.

Segundo John Thompson, presidente do conselho independente da Microsoft, a entrada de Walmsley será muito positiva para a companhia. "Emma é uma líder de negócios bem-sucedida que liderou grandes avanços em pesquisa e desenvolvimento na GSK e trará suas percepções significativas e experiência global para a Microsoft".

Um olho na diversidade e outro nos negócios

Se aprovada na votação de dezembro, Walmsley será a quinta executiva a integrar o grupo de líderes externos da empresa. Além dela, fazem parte Teri List-Stoll (CFO da Gap), Sandra Peterson (da Clayton, Dubilier & Rice), Penny Pritzker (fundadora da PSP Partners) e Padmasree Warrior (CEO do Fable Group). Cenário bem diferentes do encontrado em 2015, quando apenas dois dos 10 diretores do conselho eram mulheres.

Além do reforço em diversidade, a indicação da CEO chama a atenção por ela comandar uma das principais farmacêuticas do mundo, o que denota a intensão da empresa de tecnologia em explorar o mercado de saúde e bem-estar. A companhia já fez parcerias com redes de farmácias (como a Walgreens) e administradoras de hospitais para criar soluções voltadas a esse mercado.

Mais mudanças

Junto com a indicação de Walmsley, a Microsoft também anunciou a saída de dois membros do conselho: Hemult Panke (BMW AG) e Charles Noski, que já trabalhou como vice chairman na operadora AT&T e para o Bank of America.