Home  >  Plataformas

Microsoft Azure agora disponibiliza no Brasil máquinas virtuais M-Series

Serviço permite migração do sistema SAP HANA para plataforma de nuvem da Microsoft com armazenamento local dos dados

Da Redação

11/09/2019 às 18h09

Foto: Shutterstock

Legenda:

A Microsoft anunciou nesta quarta-feira (11) que a sua plataforma de nuvem Azure agora também disponibiliza - no Brasil - suas máquinas virtuais (VM) M-Series. Com a atualização, empresas poderão migrar sua base de dados gerenciada pelo SAP S/4HANA para a nuvem da Microsoft de forma segura, escalável e robusta, em conformidade com todas as certificações necessárias para uma migração desse tipo. Ao mesmo tempo, a chegada das M-Series, permite às empresas que migrarem o SAP S/4HANA para o Azure armazenar os dados no datacenter da Microsoft no Brasil, garantindo assim uma latência menor.

Segundo a Microsoft, o Azure suporta e está preparado para receber uma série de certificações e especificações que uma migração como a SAP S/4HANA para a nuvem exige. Ao mesmo tempo, as M-Series agora inauguram um novo capítulo permitindo que as empresas migrem o SAP Hana mantendo os dados no Brasil.

“Essa é uma novidade que reforça ainda mais o compromisso da Microsoft com o Brasil. O poder computacional da nuvem, a segurança e a escalabilidade são elementos fundamentais na jornada de transformação digital das empresas e a migração do SAP para o Azure traz para esse ambiente dados fundamentais para seus negócios e que também precisam ser beneficiados pelo potencial dessa tecnologia”, explica João Nunes, diretor de nuvem da Microsoft Brasil.

“Com o SAP S/4HANA rodando nas máquinas virtuais M-Series da Microsoft no Azure, as empresas brasileiras agora terão a oportunidade de gerar valor a partir de seus dados de negócios, tirando máximo proveito de sua capacidade analítica em tempo real, sem investimentos adicionais em infraestrutura. Essa é uma oportunidade de trabalhar em parceria para que as companhias do país possam seguir em sua jornada rumo às intelligent enterprises”, diz Ubiraci Matta, diretor de Alianças Estratégicas da SAP Brasil.

Capacidade

A série M suporta até 128 unidades de processamento central virtual (vCPU) e entre 192GB e quatro terabytes de memória em uma única máquina virtual (VM). Sete dos diferentes tipos de VM da série M podem executar configurações do SAP HANA, incluindo a M128 VM, que permite a criação de configurações em expansão de até 30TB. De acordo com a Microsoft, essas são as maiores máquinas certificadas para SAP HANA disponíveis no mercado brasileiro por meio de fornecedores públicos de nuvem. Os dados também podem ser transferidos entre máquinas virtuais em até 30 gigabytes por segundo, facilitando o backup e a replicação de bancos de dados por empresas.

No Brasil, a Tegra Incorporadora, empresa brasileira de construção civil e incorporação imobiliária, subsidiária da canadense Brookfield Asset Management, migrou todos os seus sistemas, incluindo o SAP, para o Azure. A mudança permitiu recursos de backup e segurança, além de ferramentas de análise que dinamizam a comunicação com sua holding canadense.

Regiões como Reino Unido e Hong Kong já estão rodando o gerenciamento de dados de empresas locais nas M-Series da nuvem Microsoft. No Brasil, a chegada das M-Series também pode beneficiar clientes da América Latina que desejarem fazer a migração do SAP S/4HANA para a nuvem.