Home  >  Inovação

TecBan apresenta plataforma orientada ao Open Banking

Open Banking TecBan  permite o acolhimento seguro dos milhares de novos participantes do ecossistema

Da Redação

13/08/2019 às 16h30

Foto: Shutterstock

A TecBan apresentou nesta terça-feira (13/08), durante evento no Reino Unido, seu modelo de plataforma orientada ao Open Banking, o chamado Open Banking TecBan. Segundo a companhia brasileira, o novo modelo permite o acolhimento seguro dos milhares de novos participantes do ecossistema.

A plataforma deve ser utilizada por instituições financeiras e provedores de serviços de diversos setores como uma interface para validar e certificar seus acessos e transações com o cliente final. Em resumo, a solução busca garantir autenticidade aos consumidores, evitando que fraudadores se passem por clientes.

"Identificar corretamente os players participantes é considerado crucial por especialistas, garantindo que os dados dos clientes sejam compartilhados de forma rápida, segura e acessados somente por meio de terceiros autorizados e regulados", afirmou a companhia em comunicado à imprensa.

“Atuamos há 37 anos como plataforma multibanco e estamos prontos para ampliar a colaboração com os players do setor, sempre atuando como facilitadores no caminho da transformação. Do físico ao digital, a TecBan compartilha de forma segura e eficiente informações solicitadas por milhões de clientes, todos os dias. Portanto, conhecemos cada um dos desafios desse ecossistema”, destaca Tiago Aguiar, Head de Novas Plataformas da TecBan.

Nos últimos cinco anos, a TecBan afirma ter investido mais de R$ 2,2 bilhões em soluções e serviços inovadores para o setor, buscando conectar o mundo físico e o digital.

A plataforma de Open Banking foi apresentada durante o evento ‘Open Banking: Como as experiências do Reino Unido podem se aplicar ao Brasil’. A convite da TecBan, Chris Michael, CTO da Open Banking Implementation Entity (OBIE) do Reino Unido, e Huw Davies, Diretor de APIs Comerciais da OBIE, falaram sobre o status, as oportunidades, os casos de uso e as lições aprendidas com a criação e implementação do Open Banking na Europa. Ambos trabalharam diretamente na implantação do sistema.

A TecBan explica que, com a chegada do novo modelo, o cliente terá total controle dos seus dados e poderá oferecê-los de forma segura a terceiros e, principalmente, revogar o consentimento a qualquer hora.

Tiago acrescenta que os serviços financeiros se tornarão ainda mais relevantes para os clientes no ambiente digital. “Ao abraçar o Open Banking, bancos poderão desenvolver produtos usando seus principais ativos: confiança, capilaridade e conhecimento do cliente, de forma a crescer digitalmente”, analisa Tiago.