Home  >  Segurança

Microsoft lança Lab de Segurança Azure e dobra recompensa por bugs

Segundo a empresa de Redmond, iniciativa permitirá que pesquisadores testem ataques em situações de IaaS, de forma isolada dos clientes

Da Redação

06/08/2019 às 9h00

Foto: Shutterstock

A Microsoft anunciou nesta semana diferentes iniciativas para ampliar a segurança na sua plataforma de computação baseada na nuvem, o Azure.

Uma delas consiste na criação do chamado Lab de Segurança Azure, que consiste em um conjunto de hosts de nuvem dedicados para os pesquisadores de segurança testarem os ataques em situações de IaaS, de forma isolada dos clientes do Azure, explica a empresa.

"Além de oferecer um espaço de teste seguro, o programa do Lab permitirá que os pesquisadores participantes se envolvam diretamente com os especialistas de segurança do Microsoft Azure", explica a Microsoft em um comunicado sobre a novidade.

Segundo a companhia, as inscrições para ingressar no Lab de Segurança do Azure já estão abertas - para se candidatar, basta os interessados acessarem o formulário de requisição. Os candidatos aceitos terão acesso a campanhas trimestrais para situações direcionadas com incentivos adicionais, bem como reconhecimento regular e ganhos exclusivos.

Ainda de acordo com a Microsoft, o Lab de Segurança do Azure traz algo novo para a mesa, já que os pesquisadores podem não apenas pesquisar vulnerabilidades no Azure, mas também tentar explorá-las.

É aí que entra a outra iniciativa da fabricante do Windows para ampliar a segurança do Azure. Isso porque aqueles com acesso ao Lab de Segurança Azure podem participar dos desafios baseados em situações específicas com prêmios de até 300 mil dólares.

Além disso, a Microsoft também anunciou que dobrou a recompensa máxima para quem descobrir vulnerabilidades em sua plataforma na nuvem - para 40 mil dólares.