Home  >  Inovação

Visa e Banco do Brasil se unem para habilitar pagamentos mais rápidos

Instituição financeira é o primeiro emissor Visa na AL a realizar transação de débito usando sistema 3DS 2.0

Da Redação

28/07/2019 às 13h00

Foto: Shutterstock

O Banco do Brasil anunciou nesta semana que implementou o sistema de segurança 3DS 2.0 em seus cartões Ourocard Visa. Com isso, o banco se torna o primeiro emissor Visa na América Latina a realizar uma transação de débito utilizando o 3DS 2.0 e recursos próprios de autenticação no e-commerce.

Entre outras coisas, o novo sistema promete uma experiência de compra on-line mais fluida. Isso porque a atualização do protocolo 3-D Secure 2.0 estabelece uma comunicação direta entre a bandeira do cartão, o banco, credenciadores e estabelecimentos comerciais on-line para a aprovação das transações de forma assertiva.

De acordo com a Visa, essa comunicação direta também deve facilitar a verificação da identidade do portador do cartão. Isso porque o sistema envia 10 vezes mais informações ao emissor no momento da transação, o que antes não acontecia.

Para Edson Costa, diretor de meios de pagamentos do Banco do Brasil, o banco agora oferece experiências de compra mais seguras e eficientes a seus clientes. “Hoje o Banco do Brasil é o único que está pronto para transacionar de forma completa, tanto no crédito quanto no débito na América Latina”, comenta.

A Visa, parceira do Banco do Brasil na implementação e nos testes do 3DS 2.0, acredita que em breve todos os estabelecimentos comerciais farão uso da solução de forma massiva, além de novos players da indústria, que também passarão a adotar a atualização do protocolo desenvolvido para oferecer mais segurança para as compras online.

“A iniciativa do Banco do Brasil em implementar a solução de forma completa e para todo o portfólio é de extrema importância para esse movimento que irá revolucionar o e-commerce brasileiro. Teremos ainda mais segurança, mais conversão de vendas e inclusão digital de milhares de brasileiros ao fortalecer a presença do débito no mundo online”, afirma Fernando Teles, country manager da Visa do Brasil.