Home  >  Plataformas

Para John McAfee, criptomoedas serão a próxima Revolução Cubana

Em entrevista à Reuters, especialista em segurança afirmou que pode ajudar país a contornar embargo dos EUA por meio de criptomoedas

Da Redação

08/07/2019 às 18h00

Foto: Shutterstock

O criador do antivírus que leva seu nome, John McAfee afirmou recentemente que as criptomoedas serão a próxima Revolução Cubana - que completa 50 anos em 2019. Em entrevista à Reuters, o empresário comentou o nível de anonimato que uma moeda digital pode oferecer, além de anunciar que pretende concorrer à presidência dos Estados Unidos pelo Partido Libertário. Ele ainda defende que a cobrança de imposto de renda é ilegal.

McAfee, que mora em um iate na cidade de Havana, capital cubana, é foragido das autoridades da Receita Federal norte-americana por não pagar impostos há oito anos, conforme a agência de notícias - ele disse que não paga o imposto de renda por motivos ideológicos.

O especialista em segurança garante que pode ajudar Cuba a contornar o cerco do governo norte-americano com o auxílio de criptomoedas. Em sua visão, elas derrotariam o embargo comercial imposto pelos EUA. Ele ainda ofereceu ajudar Cuba através de uma "oferta formal para ajudá-los de graça por meio de um canal privado no Twitter", disse a Reuters.

O governo cubano afirmou no começo da semana passada que estuda o uso de criptomoedas para aliviar a crise econômica que foi ampliada por sanções impostas por Donald Trump. Irã e Venezuela, que também estão sob sanções dos EUA, estudam usar moedas digitais para fazer comércio.

De acordo com McAfee para que uma moeda digital "decole" é necessária uma fundação com blockchain apropriado, além de uma estruturação que cumpra as necessidades específicas de um país ou situação econômica. “Há provavelmente menos de 10 pessoas no mundo que sabem como fazer isso e eu sou certamente uma delas”, diz.

Com relação a sua candidatura, McAfee afirmou que planeja usar o poder de suas mídias sociais para fazer campanha pela nomeação no Partido Libertário. John McAfee tem 991 mil de seguidores no Twitter.