Home  >  Negócios

Intuit Brasil fortalece expansão apoiada em pequenas empresas

Estratégia é liderada por soluções de gestão financeira para nicho carente em tecnologia

Solange Calvo

23/05/2019 às 11h00

Lars Leber CEO da Intuit
Foto: Divulgação

Ter sob controle a vida financeira é vital para o desenvolvimento de negócios e metas pessoais. Mas para isso, é necessário o uso de tecnologias que agilizem processos e possibilitem planejar e acelerar decisões. Mas esses recursos nem sempre estão ao alcance de pequenas empresas e profissionais autônomos. Atenta a esse nicho potencial a Intuit criou soluções sob medida para que ele também cuide da saúde financeira.

Fundada em 1983 nos Estados Unidos, a Intuit, multinacional de sistemas de gestão financeira, que nasceu no Vale do Silício (EUA), emprega perto de 9 mil funcionários e registrou receita global de mais de US$ 6 bilhões no ano fiscal de 2018. No Brasil, está desde 2015.

De acordo com Lars Leber, CEO da Intuit no Brasil, os primeiros três anos foram dedicados a conhecer o mercado brasileiro e a entender os problemas dos clientes para criar soluções específicas. “Sabemos que os problemas financeiros no mundo inteiro são 80% comuns, mas é importante customizarmos para atendermos às necessidades locais”, diz.

Na avaliação de Leber, no Brasil, assim como em outras partes do mundo em que a companhia atua, em geral, as pequenas empresas e autônomos não estão na lista de prioridades de fornecedores de tecnologia. Segundo o executivo, tornar possível a tecnologia para esse grupo é uma forma de inclusão e ainda de proporcionar, muitas vezes, esteira para que se tornem grandes.

O escritório da operação brasileira está localizado em São Paulo e Leber adianta que estão expandindo o espaço para mais de mil metros quadrados. “A Intuit é uma gigante, que nasceu com o propósito de facilitar a vida financeira das pessoas. Aqui no Brasil, formamos uma equipe qualificada para customizar nossa tecnologia para o consumidor brasileiro. Em 2019, nossa atuação está mais expressiva e vamos ampliar os investimentos”, avisa.

Afinal, ele diz, o mercado brasileiro tem uma energia gigante de empreendedorismo. “Percebemos aqui forte movimentação nos dois últimos anos das pequenas empresas no sentido de se conscientizarem da necessidade de aumentar o nível do controle financeiro. Isso é fundamental.”

Descomplicando as finanças

O carro-chefe da Intuit para descomplicar a gestão financeira é o QuickBooks. Um sistema que otimiza o controle das finanças das pequenas empresas de maneira assertiva para que os pequenos empresários possam desfrutar do resultado em outras áreas. A plataforma tem mais de 4 milhões de usuários no mundo e está disponível no Brasil nas versões QuickBooks Online, QuickBooks ZeroPaper e QuickBooks MEI.

Entre elas, a versão MEI parece ser bem atraente para o atual momento pelo qual passa o País. Vai ao encontro da grande necessidade de gestão de finanças de pequenos negócios e, em especial, de profissionais autônomos, que tiveram crescimento significativo, em razão da crise econômica.

A MEI é destinada ao gerenciamento de impostos, emissão de notas fiscais, geração de relatórios customizados, entre outros recursos. Para contadores, proporciona livro diário, registros auditáveis e relatórios para gestão contábil, além de métricas de desempenho.

“Os QuickBooks são intuitivos, fáceis de usar, mas se o usuário apresentar dúvidas, damos o suporte necessário com materiais e tutoriais em vídeo. Estamos continuamente trazendo novas tecnologias, porque temos software de nuvem, o que facilita as atualizações. Em breve, teremos no Brasil recurso para interagir com o aplicativo por meio de voz, que irá agilizar o uso”, revela.

Leber ressalta que a tecnologia traz recursos emergentes como machine learning e Inteligência Artificial (IA), e que centros tecnológicos da empresa no mundo todo trabalham constantemente para evoluir as soluções com atualizações que as deixem sempre em linha com as demandas da nova era. Ele acrescenta que somente no polo tecnológico da Índia, um dos maiores do mundo, trabalham mais de 2 mil profissionais.

Todo esse empenho, segundo Leber, é para levar a melhor tecnologia às pequenas empresas. E o CEO da Intuit acredita que “nunca há um momento errado para gestão financeira porque a tecnologia é fundamental para a prosperidade”.