Home  >  Inovação

BNDES faz parceria com fintechs para ampliar acesso ao crédito de MPMEs

Banco anunciou recentemente a escolha das empresas MarketUP e Omie, de São Paulo, que já estão credenciadas para o Canal MPME

Da Redação

15/05/2019 às 12h00

Foto: Shutterstock

O Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES) anunciou recentemente a seleção das duas primeiras fintechs que atuarão em parceria com a instituição para ampliar o acesso ao crédito de micro e pequenas empresas.

As escolhidas foram as startups paulistas MarketUP e Omie, que oferecem sistemas para gestão de processos como contas a pagar, controle de estoque, carteira de clientes e fornecedores, relatórios gerenciais e vendas, Ambas já estão credenciadas a operar na plataforma on-line Canal MPME, uma linha de comunicação direta do BNDES com micro, pequenas e médias empresas (MPMEs).

Conforme o órgão, as duas empresas foram finalistas do Desafio BNDES Fintech, concurso promovido pelo Banco em 2018 com o objetivo de fomentar o ecossistema, incentivar o desenvolvimento de soluções para os problemas de acesso ao crédito e ajudar na divulgação e promoção dos produtos e serviços oferecidos pelas fintechs.

No total, foram selecionadas 34 startups, que atenderam a requisitos como integração a plataformas digitais, digitalização de processos, Blockchain e facilitação de crédito a MPMEs, entre outros.

“A parceria com fintechs é parte da estratégia de digitalização e open banking do BNDES, promovendo integração com soluções para melhorar a experiência dos clientes da instituição, de forma a contribuir para o sucesso dos negócios das empresas de menor porte”, afirma o superintendente da Área de Operações e Canais Digitais do banco de fomento, Marcelo Porteiro.

Voltado apra pessoas jurídicas com faturamento anual de até R$ 300 milhões, o Canal MPME permite que as empresas de menor porte solicitem financiamento ao BNDES de forma on-line, sem precisar visitar um banco repassador de recursos para iniciar a busca, de acordo com o banco.