Home  >  Sem Categoria

WeWork diz que contribui com R$1,5 bilhão para PIB de SP e RJ

Rede de coworking publicou nesta semana o seu primeiro Relatório Global de Impacto Econômico, feito em parceria com a HR&A

Luiz Mazetto

01/05/2019 às 9h00

Foto:

A WeWork publicou nesta semana o seu primeiro Relatório Global de Impacto Econômico, em que a empresa traz dados sobre o impacto da sua comunidade na economia global. O documento foi criado em parceria com a HR&A Advisors (empresa americana líder de mercado em consultorias de Real Estate e Desenvolvimento Econômico).

De acordo com a companhia, a chamada “economia WeWork” responde por aproximadamente 680 mil empregos e uma contribuição de 122,3 bilhões de dólares para o PIB global, o equivalente a cidades como Vancouver, Dublin ou Austin.

Brasil
Vale notar que o relatório traz também um recorte sobre o impacto do WeWork em nas cidades de São Paulo (SP) e Rio de Janeiro (RJ), onde a empresa está presente desde 2017.

Mais especificamente, afirma a companhia, a “economia WeWork” em São Paulo contribuiu diretamente para 988 milhões de reais do PIB da capital paulista. O valor total, levando em conta a contribuição indireta de 213 milhões de reais, sobe para 1,2 bilhão de reais.

Já no Rio de Janeiro, a contribuição da economia WeWork para o PIB do município totaliza 296,5 milhões, sendo 270,3 milhões de forma direta e 26,1 milhões de maneira indireta.

Geração de empregos
Além disso, o WeWork afirma que, no total, aproximadamente 13.000 empregos em São Paulo estão, de alguma forma, ligados à WeWork (10800 membros da WeWork + 1700 empregos atribuídos ao fator multiplicador).

"Os dados trazidos pelo Relatório, elaborado a partir de depoimentos de milhares de membros da nossa comunidade ao redor do mundo, são uma evidência concreta de que o local de trabalho pode promover colaboração, inovação e, por consequência, impactar negócios, gerando desenvolvimento econômico”, afirma o diretor geral da WeWork no Brasil, Lucas Mendes.