Home  >  Negócios

Vivo traz para Brasil ElevenPaths, unidade de cibersegurança da Telefónica

Empresa quer liderança do mercado de segurança corporativa

Da Redação

15/03/2019 às 11h13

cibersegurança
Foto: Shutterstock

Legenda: cibersegurança

A Vivo Empresas, segmento B2B da Telefônica Brasil, apresenta a ElevenPaths, unidade global de segurança cibernética do Grupo Telefónica, no Brasil e a incorpora à sua estratégia de expansão no segmento corporativo. Com o anúncio, a Vivo amplia sua participação no mercado, oferecendo aos seus clientes mais inteligência no processo de mitigação de ameaças, proteção dos dados, redes, aplicações, nuvem e identidade. A Vivo passa a trabalhar com uma visão e estratégia global, somadas ao seu modelo de atuação local, se diferenciando dos demais players regionais.

A ElevenPaths conectará o SOC – central de monitoramento, prevenção, detecção e solução de problemas – da Vivo, que já conta com a certificação ISO 27001 desde 2014, a uma rede global de outros 10 SOCs do Grupo Telefónica ao redor do mundo.

A integração potencializará o compartilhamento das melhores práticas, bases de conhecimentos e plataformas unificadas, ampliando exponencialmente a capacidade de prevenção, detecção e resposta, com o uso de inteligência artificial, algoritmos proprietários de análise, e utilização de machine learning para detectar e combater até mesmo ameaças desconhecidas.

Os clientes também terão acesso ao conhecimento de quase três mil especialistas em todo o mundo, dedicados a monitorar, investigar e a responder incidentes de segurança, além de uma equipe focada em pesquisa e desenvolvimento de ferramentas e plataformas próprias para análise de vulnerabilidades, detecção, resposta a riscos, monitoramento e análise de códigos de aplicações móveis.

Segundo a empresa, o lançamento da ElevenPaths chega para posicionar a Vivo como provedor de serviços gerenciados e profissionais de segurança, com um dos portfólios mais completos do país. Os clientes poderão contar com soluções, produtos e serviços desenvolvidos para proteger desde ambientes mais simples, como o de pequenas e médias empresas, até operações multinacionais de missão crítica e projetos de inovação para as principais verticais de mercado.

“Seguimos evoluindo em nossa proposta de valor para oferecer aos nossos clientes de todos os segmentos e tamanhos tudo aquilo que é necessário para apoia-los nos desafios de custos de implantação e gestão de uma rede segurança da informação, bem como na contratação de profissionais especializados, na visibilidade para tomada de decisões e na gestão dos níveis de risco”, explica o vice-presidente B2B da Vivo, Alex Salgado.

“Trouxemos para o Brasil toda a expertise global em cibersegurança, que permite uma atuação com mais velocidade e inteligência. A partir de agora, segurança da informação dos clientes Vivo tem padrão de excelência global, mas atuação local, adaptada às necessidades do Brasil”, finaliza Salgado.