Home  > 

Microsoft processa montadora Foxconn por conta de patentes

Da Redação

13/03/2019 às 8h00

Foto: Shutterstock

Após a Microsoft entrar com processo na sexta-feira, 8/3, contra a Foxconn sob a acusação de não pagar pelo uso das suas patentes, a empresa taiwanesa se pronunciou sobre o caso nesta terça-feira, 12/3.

Segundo informações da Reuters, a companhia de Taiwan, que é conhecida por montar smartphones de empresas como Apple e Sony, rejeitou as acusações feitas pela fabricante do Windows junto à Justiça da Califórnia, nos Estados Unidos.

Em pronunciamento para a imprensa, o fundador e diretor da Foxconn, Terry Gou, afirmou que a sua empresa “nunca pagou nenhuma taxa de patentes para a Microsoft” e que a companhia de Redmond “não deveria incomodar montadoras”, aponta a agência de notícias.

Posição Microsoft

A Microsoft, por sua vez, afirma que a ação judicial em questão está relacionada a um contrato assinado em 2013 com a Hon Hai, empresa mãe da Foxconn, de acordo com a Reuters.

“A Microsoft leva os seus compromissos contratuais a sério, e esperamos que outras empresas façam o mesmo. Nosso relacionamento de trabalho com a Hon Hai é importante, e estamos trabalhando para resolver o nosso desacordo”, afirmou a empresa em comunicado.

IDG Now! agora é itmidiacom. Para ler mais notícias, acesse.

Deixe uma resposta