Home  >  Negócios

Kazakhtelecom firma acordo com Ericsson para piloto de 5G NR

Documento foi assinado no Mobile World Congress (MWC 2019) em Barcelona

Da Redação

25/02/2019 às 15h28

Foto: Divulgação

A operadora do Cazaquistão Kazakhtelecom JSC assinou um memorando com a fabricante sueca de equipamentos de telecomunicações Ericsson para desenvolvimento da tecnologia de 5G no País.

O memorando, assinado durante o Mobile World Congress (MWC), realizado nesta semana em Barcelona, define a interação das partes para conduzir pesquisas e desenvolver recomendações para a migração das redes existentes da Kcell e da Altel/Tele2 para a 5G, usando a experiência da Ericsson na realização de pesquisas similares para grandes clientes na Europa Oriental e Ásia Central.
Como resultado dessa cooperação, a Kazakhtelecom JSC espera receber recomendações sobre a estratégia tecnológica e a minimização do custo de propriedade da futura rede consolidada.

Após a conclusão do estudo, cuja duração é estimada em três meses, será proposto um programa de testes 5G com a participação da Ericsson para 2019 ou 2020. As partes também concordaram em compartilhar planos e experiências sobre virtualização usando tecnologias SDN/NFV e na formação de nós de comunicação em nuvem, bem como analisar conjuntamente as oportunidades de cooperação futura.

“Esperamos que a cooperação com a Ericsson nos permita ter acesso a soluções avançadas de 5G NR, com a ajuda de que seremos capazes de testar os cenários de serviço 5G definidos em nosso programa de teste piloto 5G. Estamos confiantes de que, em cooperação com a Ericsson, juntamente com soluções maduras de 5G NR, poderemos criar, na fase de testes, soluções 5G abertas e desagregadas que são implementadas tanto quanto o software permite em servidores padrão em nossa nuvem de telecomunicações ” disse Nurlan Meyrmanov, diretor administrativo de inovações da JSC Kazakhtelecom.

O programa de implementação piloto 5G foi projetado para o período 2019-2021 e fornece três fases de teste de diferentes cenários de serviços 5G, incluindo acesso sem fio fixo (FWA), comunicações móveis de banda larga (eMBB) aprimoradas e máquina-a-máquina (mMTC). Os objetivos do programa de implementação piloto 5G também incluem testar os recursos de implementação técnica e testar a virtualização de vários segmentos 5G: redes de acesso de rádio (VRAN) e núcleo de pacotes (5GC).