Home  >  Negócios

Neotel e Thales eSecurity firmam parceria para serviço de adequação à LGPD

Companhia nacional espera aumento de 20% no faturamento anual com acordo

Da Redação

13/02/2019 às 11h41

privacidade de dados
Foto: Shutterstock

A Neotel, empresa nacional focada em soluções e serviços de segurança digital, e provedora de soluções de cibersegurança Thales eSecurity firmaram uma parceria para auxiliar as empresas na adequação às novas legislações de privacidade de dados, bem como na execução da estratégia de adoção de soluções em nuvem e na Transformação Digital garantindo a proteção dos dados críticos.

O foco da empresa é atuar, sobretudo, na adequação a novas normas, como a GDPR, na Europa, e a brasileira LGPD.

Segundo fontes públicas, ao longo do primeiro semestre de 2018 cerca de 4,55 bilhões de registros foram expostos na internet, o que representa um aumento de 133% na comparação com o mesmo período de 2017.

José Ricardo Maia Moraes, executivo da Neotel, aponta que os dados evidenciam a necessidade de legislações de proteção de dados pessoais como LGPD e GDPR. "As organizações privadas e governamentais estão se movimentando para não virarem alvo de ações judiciais em decorrência de vazamento de dados pessoais. Empresários e executivos estão percebendo que já armazenam (muitas vezes de forma inadequada) dados pessoais de seus clientes e estão buscando soluções para proteger tais informações", comentou.

O portfólio da Thales eSecurity somado às soluções Neotel projetadas para mitigar, prevenir e proteger as mais diversas ameaças cibernéticas, visam garantir uma robusta gama de soluções e serviços capazes de cumprir as normas regulatórias e de conformidade, por meio da criptografia, gerenciamento avançado de chaves, Tokenização e controle de usuários privilegiados.

A ideia, segundo as empresas, é integrar à plataforma Neotel soluções de criptografia transparente e gestão de chaves no ambiente do cliente ou em nuvem de forma a complementar as demais soluções e serviços de segurança digital com ofertas nas modalidades as a service ou aquisição.

Segundo Moraes, com a parceria, a Neotel espera um acréscimo no faturamento anual na ordem de 20%, aumentando a base de clientes tanto com grandes companhias quanto no segmento PME.

“A Neotel pretende ainda nos próximos meses analisar a demanda do mercado e agregar novas ofertas da Thales eSecurity que façam sentido para os negócios de nossos clientes de forma pontual e gradativa”, concluiu.