Home  >  Carreira

Commvault tem novo CEO

Sanjay Mirchandani substitui Bob Hammer e assume a liderança da companhia globalmente

Da Redação

07/02/2019 às 9h12

Foto: Divulgação

A Commvault anunciou nesta quarta-feira (6/2) a nomeação de Sanjay Mirchandani como CEO. No cargo, o executivo substitui Bob Hammer, presidente e CEO aposentado da Commvault, que esteve à frente da companhia por mais de duas décadas, contribuindo para que a empresa atingisse o valor de mercado de US$ 3,1 bilhões.

Assim como a nomeação de Mirchandani, a Commvault anunciou o executivo Nick Adamo como Presidente do Conselho, substituindo Hammer, que permanecerá no Conselho como Presidente Emérito. Ambas as alterações passam a valer partir de 18 de abril de 2019.

Mirchandani soma experiências em empresas como VMware, EMC e Microsoft, além de possuir experiência significativa na transformação de TI. Na Puppet – empresa de automação de TI baseada em Oregon – o executivo atuou como CEO e foi responsável por aumentar a base de usuários das soluções comerciais e de código aberto da companhia para mais de 40 mil incluindo 75% das empresas da Fortune 100.

Mirchandani também traz experiência em negócios internacionais por meio de sua formação em tecnologia e por ter ocupado cargos globais importantes em sua carreira. O executivo também aumentou a presença e as parcerias da Puppet em todo o mundo, abrindo cinco novos escritórios da empresa em Seattle, Cingapura, Sydney, Timisoara e Tóquio.

“Tenho a honra de me juntar à equipe da Commvault com sua reputação respeitada, tecnologia e serviços líderes do setor e cultura contagiante”, comentou Mirchandani. “A abordagem orientada aos parceiros da Commvault está diretamente alinhada com a minha. Espero ser um defensor dos ecossistemas de clientes, canais e parceiros para fornecer soluções completas”, completou.

Al Bunte, que atuou ao lado de Hammer por mais de duas décadas, deixa o cargo de diretor de operações enquanto mantém sua posição como membro do Conselho Administrativo. Hammer continuará no cargo até 31 de março de 2019.