Home  >  Negócios

Dahua Technology projeta investimentos de US$ 3 milhões no Brasil

Com nova estrutura em São Paulo, empresa espera crescer 60% em 2019

Da Redação

07/12/2018 às 17h34

investimento negócios
Foto:

A Dahua Technology, multinacional focada em tecnologias de segurança eletrônica e soluções de videomonitoramento, anunciou seu plano de expansão para a América Latina, tendo o Brasil como principal foco na região.

A empresa registrou 40% de crescimento neste ano no País, na comparação com 2017, e agora projeta salto de 60% para 2019. Ao longo dos próximos cinco anos, serão investidos US$ 3 milhões no Brasil, motivados pela possibilidade de crescimento do mercado nacional.

Parte do investimento foi feito em sua nova estrutura, uma área de 500 m², localizada na Zona Sul de São Paulo, com previsão de inauguração para o primeiro trimestre do ano que vem. O showroom da empresa ocupará uma área de quase 200 m² para que o cliente tenha a experiência de visualizar cada solução de maneira vivencial.

Fabio Lopes, Diretor de Canais da Dahua Technology, destaca que o ambiente, mais moderno, é fruto de uma estratégia iniciada em 2018, com o objetivo de ser uma das referências em tecnologia no Brasil.

Além disso, o novo escritório será capaz de atender uma equipe que, nos próximos dois anos, será no mínimo dobrada, alcançando 80 profissionais.

"Somos uma empresa com reconhecimento em todo o mundo e nossa perspectiva é reforçar a presença no mercado da América Latina, mostrando total transparência, ética e credibilidade para o mercado", afirmou Lopes.

Foco estratégico

A companhia acredita que poderá expandir o leque de seus produtos para atender às necessidades dos clientes e atuar em novos negócios. A aposta é no uso de tecnologias como inteligência artificial, IoT e cibersegurança, com soluções que podem ser aplicadas pelas mais variadas vertentes de negócios.

"Temos particular interesse na segurança das soluções. Nosso centro de cibersegurança, o Dahua Cybersecurity Center (DHCC), coopera ativamente com empresas como Symantec, McAfee, Intel e Synopsys", completou Lopes.