Home  >  Carreira

3 freelas para garantir um dinheiro extra no final de ano

Como o mercado espera um pico no volume de vendas, período pode ser oportuno para trabalhos freelancers

Da Redação

02/12/2018 às 15h13

Foto: Shutterstock

O pico de vendas esperado para o final de ano já começa a agitar o comércio. Para dar conta da alta demanda e para alavancar ainda mais as vendas, varejistas e outras empresas do setor acabam recorrendo aos profissionais freelancer.

Para ajudar a direcionar os esforços dos profissionais que estão interessados em conseguir um trabalho ou ganhar um extra nesta época, o Freelancer.com, plataforma para freelancers e crowdsourcing, listou três profissões que já estão em alta, mas que podem ainda crescer com as proximidades das festas de final de ano. São elas:

Web Development

Os trabalhos que exigem habilidades em desenvolvimento na web tiveram um boom no último trimestre completado em setembro, segundo o relatório Fast 50 Report, elaborado pelo Freelancer. Foi registrado um crescimento de 27% em jobs que buscam profissionais que dominem a criação de sites e aplicativos.

E com o comércio bombando neste final de ano, oportunidades não irão faltar nessa área. Diversos lojistas e grandes empresas criam promoções para atrair clientes e utilizam a internet para fazer essa divulgação. Diante disso, é bom ficar de olho nas propostas que podem surgir.

Design

Assim como na área de desenvolvimento web, o campo de Design também obteve um crescimento exponencial no último trimestre. A busca por profissionais que saibam trabalhar com ferramentas digitais de criação e edição, como o Adobe Photoshop e Illustrator, aumentaram em até 13%, segundo o relatório.

Neste final de ano, essa procura pode crescer ainda mais, já que a demanda pela criação de designs específicos para o Natal e para a divulgação de ofertas é bastante grande. Basta acessar os sites de lojas e ver que são produzidos muitos conteúdos, neste período. Uma boa dica para os designers de plantão.

Redes sociais

Dá para notar que os trabalhos on-line têm muita demanda. Os profissionais especialistas em redes sociais também foram bastante requisitados, com crescimento de até 16%, segundo o Fast 50 Report.

Como hoje em dia a grande maioria das empresas faz a gestão de conteúdos pelos canais sociais, os profissionais chamados de social media também estão entre os mais demandados no período.

Atualmente as pessoas passam muito tempo em sites e aplicativos como Facebook, Twitter e Instagram. Por isso, os lojistas sabem que é lá que devem empenhar os seus esforços para atrair mais e mais pessoas para as suas ofertas. Então, profissionais de redes sociais, fiquem atentos às oportunidades.