Home  >  Plataformas

Vendas de programa da Gol crescem 35% com adoção de ferramenta de AI

Iniciativa VoeFácil, operada pelo Grupo Check, conta com tecnologias da DataRisk para análise de dados

Da Redação

29/11/2018 às 16h37

Foto: Shutterstock

O Grupo Check conquistou um crescimento de aproximadamente 35% nas vendas do produto VoeFácil, da Gol Linhas Aéreas, em 2018 após adoção de tecnologias da DataRisk, empresa de tecnologia que utiliza inteligência artificial para análise de dados e tendências comportamentais dos consumidores e dos clientes

O Voe Fácil Gol - programa desenvolvido pelo Grupo Check - é um modelo de compra no qual os passageiros podem parcelar suas viagens sem o uso do cartão de crédito. O pagamento pode ser feito em até 36 vezes e amplia as possibilidades de aquisição para todas as classes sociais.

A parceria entre as empresas começou há dois anos e, segundo José Mário Ribeiro, CEO do Grupo Check, já apresenta grandes resultados. Ribeiro conta que já conhecia o CEO da DataRisk, Jhonata Emerick, de outros projetos e por isso procurou a empresa para ajudar nesse desafio que seria uma grande oportunidade para uma nova parceria.

"Os motivos que levaram o Grupo Check contratar a DataRisk é simples: estávamos buscando implementar soluções de inteligência artificial e machine learning, construídas com foco em produto e no cliente. Nós sabíamos que teríamos isso junto a Datarisk e entendemos que a empresa poderia auxiliar várias empresas do Grupo, e por isso, ampliamos a parceria para as demais empresas, sempre focando em soluções de Crédito, Fraude, Marketing, Meios de Pagamento e Recebíveis, fazendo uso de AI e machine learning”, explicou Ribeiro.

O principal desafio do grupo era entender o comportamento do consumidor, principalmente da classe C, para oferecer e aumentar a margem de vendas de passagens pelo VoeFácil. Analisar o perfil desse usuário que, na maioria das vezes não entrega métricas e comprovantes financeiros, era tarefa difícil.

A DataRisk implementou uma solução que detecta automaticamente por meio de uma análise a autorização de crédito, processamento de autorização de compras que, além de aumentar as vendas do VoeFácil também diminuísse a inadimplência.

2019 tendências

Para o ano que vem, a expectativa do Grupo Check é implementar os novos modelos com a DataRisk e calibrar os já existentes para obter um crescimento acima dos 30%.