Home  >  Segurança

Cisco avança redes intuitivas com atualização do portfólio Catalyst 9000

Catalyst 9800 e 9200 prometem simplicidade para gerenciar, automatizar e segurar as redes com e sem fio para organizações de médio porte

Carla Matsu

14/11/2018 às 22h10

Foto: Carla Matsu

A Cisco avança em direção à chamada rede intuitiva com a adição de dois novos switches a sua família Catalyst 9000, linha lançada há cerca de um ano e que, segundo a fabricante, trata-se do produto de mais rápido crescimento de sua história. As novidades foram apresentadas durante o Cisco Partner Summit, que acontece nesta semana em Las Vegas.

Com os lançamentos da série Catalyst 9200 e Catalyst 9800, a Cisco promete simplicidade para gerenciar, automatizar e segurar as redes com e sem fio em apenas um único sistema para organizações de médio porte. Ambos podem ser rodados on-premise, na nuvem e até mesmo incorporados virtualmente.

Vale ressaltar que a família Catalyst 9000 é o principal mecanismo de entrega da Cisco para seus recursos de rede baseados em intenção. Para incorporar esse tipo de inteligência, o hardware traz camadas de software que permitem que a rede identifique e reaja a mudanças no comportamento dos usuários que utilizam a rede.

Segundo a Cisco, o Catalyst 9800 Series Wireless Controller apresenta desempenho de 40-100Gbps, dependendo do modelo, hot-patching para simplificar e eliminar o tempo de inatividade atualizado do software, ETA (Encrypted Traffic Analytics) baseada em micro e macro segmentação e soluções para detectar malware no dispositivo. Já o 9200 cobre recursos de segurança que protegem a integridade do hardware, software e dados que circulam no switch, oferecendo recursos de segurança também em micro segmentação e macro baseados em políticas para detectar malware no dispositivo.

Com as novas adições à linha 9000, Sachin Gupta, Sênior Vice-presidente Enterprise Networking da Cisco, diz que a companhia espera dobrar o número de clientes atingidos com o portfólio."Nossos clientes estão tentando resolver seus problemas de segmentação, automação, querendo obter analytics e visibilidade a partir da infraestrutura, detectar pró-ativamente ameaças e eles estão buscando fazer isso em todo o domínio. E construímos o Catalyst 9000 do zero para entregar essa arquitetura programável, flexível, escalável, direcionada por APIs e controlada a partir do DNA Center", explicou Gupta durante apresentação no Partner Summit.

Todos os switches da família Catalyst são gerenciados pelo DNA Center da Cisco, que entrega interface onde clientes podem automatizar, definir políticas, fornecer segurança e obter garantia em toda a malha de rede com e sem fio.

"Segurança durante muito tempo foi vista como um mercado separado", pontuou David Goeckeler, Vice-Presidente Executivo e Gerente geral de Networking e Security Business. Devemos mudar a forma como pensamos segurança, onde ela deve estar integrada a todo rede domínio nativamente. Essa arquitetura que a Cisco está construindo, trazemos tudo isso junto para interconectar cada domínio, de ponta a ponta, como um grande sistema de software", complementou o executivo.

O Catalyst 9800 e certos switches do modelo 9200 estarão disponíveis no quarto trimestre. O restante dos switches Catalyst 9200 estará disponível no primeiro trimestre de 2019.

*Jornalista viajou a Las Vegas a convite da Cisco