Home  >  Plataformas

Fortes Tecnologia e IFCE desenvolvem solução de inteligência artificial

Ferramenta analisa uso de sistemas para desenvolver melhorias na interface dos produtos

Da Redação

29/10/2018 às 19h16

inteligencia_artificial.jpg
Foto: Shutterstock

A Fortes Tecnologia está desenvolvendo, em parceria com o Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Ceará (IFCE), o projeto SIGA, que contempla o desenvolvimento de uma tecnologia baseada em inteligência artificial e machine learning para coletar e analisar o uso dos sistemas e, com isso, devolver melhorias na interface dos produtos que aumentem a produtividade e reduzam a curva de aprendizado para novos colaboradores.

Ronaldo Moreira, CTO da Fortes Tecnologia, explica que, ao analisar a sequência de telas acessadas pelo usuário, o sistema pode antecipar os próximos passos do próprio usuário e de outros usuários da mesma empresa. "Nossa tecnologia pode se transformar num guia de uso dos sistemas personalizado, baseado nas práticas da própria empresa. O maior desafio reside em lidar com quantidades massivas de dados (Big Data)", disse.

Importância da interface

Segundo Moreira, a interface de usuário é um dos principais componentes de qualquer sistema interativo de software, comumente representada por janelas, menus, caixas de texto e botões. A construção dessa interface representa, muitas vezes, a maior parte dos custos no desenvolvimento de um software. Por isso, ele afirma que interfaces mal projetadas reduzem a efetividade e produtividade dos usuários, frustrando as intenções originais almejadas no projeto do software.

Moreira explica também que a nova tecnologia da Fortes reduz esses problemas, fazendo com que o sistema se adeque automaticamente ao perfil de cada usuário e empresa. "Com a adoção de técnicas de aprendizado de máquina é possível descobrir automaticamente, por exemplo, novos fluxos de trabalho baseados em dados históricos da rotina de cada um dos profissionais que utilizam nossos sistemas. Desse modo, vamos colocar à disposição uma melhor experiência de aplicação. A nova tecnologia age como uma ferramenta de recomendação, que deve simplificar e acelerar o trabalho dos usuários", completou.