Home  >  Plataformas

Power BI, da Microsoft, terá integração com Python

Usuário pode executar linguagem diretamente no aplicativo

Serdar Yegulalp – InfoWorld (EUA)

24/08/2018 às 8h01

Foto: Shutterstock

O Power BI, suíte de análise de negócios da Microsoft, agora se integra à linguagem de programação Python, de acordo com uma prévia do recurso na versão mais atualizada da plataforma.

Conforme descrito em um post do blog resumindo o lançamento, os scripts Python podem ser executados diretamente dentro do aplicativo Power BI Desktop e podem ser aproveitados para “limpeza, análise e visualização de dados”.

Ao selecionar "Python" na caixa de diálogo "Obter dados", o usuário pode colar um script Python em uma janela fornecida e usar a saída do quadro de dados de um script como fonte. O script Python também pode ser usado para criar visuais em um relatório. Os visuais são atualizados automaticamente sempre que os dados mudam, embora “o visual em si não seja interativo”.

A Microsoft também divulgou um arquivo Demo do Power BI com exemplos de pacotes populares do Python usados ​​para criar visualizações e transformações para um conjunto de dados de amostra. Inclui, por exemplo, as bibliotecas de plotagem visual Seaborn e Altair; Scikit-learn, uma biblioteca popular para tarefas de machine learning, bem como o FlashText, um sistema de busca e substituição regex-like, e o PyFlux /Pendulum para análise de data e hora.

O Power BI há muito tempo se integra ao R, outra linguagem popular para manipulação e análise de dados. Mas enquanto o R permaneceu uma linguagem de nicho, o Python desfrutou foi amplamente adotado tanto nos círculos de ciência de dados quanto na população geral de programação, graças à sua ampla seleção de pacotes de terceiros que lidam com quase todas as necessidades imagináveis ​​de manipulação de dados.

A Microsoft também pode estar considerando a integração do Python com seu produto de planilha do Excel, baseado em uma pesquisa com usuários sobre o Excel que circulou no final do ano passado. No entanto, nenhum anúncio oficial foi feito ainda. A Microsoft enfatizou após a conclusão da pesquisa que esta era “uma área de exploração para nós, sem nenhum cronograma específico”.

Outras adições ao Power BI incluem um recurso de impressão para PDF e um conector de dados para clusters do Apache Spark. Muitas das atualizações do Power BI Desktop devem aparecer em uma versão futura do Power BI Report Server, cuja versão está prevista para o final de agosto.

Deixe uma resposta