Home  >  Plataformas

Por que transformação digital inclui telefonia em nuvem

Conceito também pode representar uma redução de até 70% nos custos com telecomunicação

Marco Lagoa*

15/08/2018 às 8h01

cloud phone
Foto: Shutterstock

Legenda: cloud phone

Trabalhar com home office não é mais algo distante à nossa realidade, e para quem mora em grandes cidades, como São Paulo e Rio de Janeiro, o conceito é muito positivo ao acabar com o tempo gasto para se locomover de casa ao trabalho. Segundo a 11ª Pesquisa de Mobilidade Urbana realizada pelo Ibope, no ano passado o tempo médio de deslocamento em São Paulo foi de duas horas. Mas a questão aqui não é sobre o home office em si e suas vantagens.

Se a tecnologia já está tão avançada, por que não utilizá-la para converter esses dados em aumento de eficiência e até mesmo em economia? Podemos aplicar os recursos tecnológicos para que os profissionais consigam trabalhar de “qualquer lugar". Com as mudanças necessárias em uma empresa, é possível que o funcionário tenha acesso a e-mail, documentos e até ao telefone da empresa sem estar presente no ambiente de trabalho.

A transformação digital fez com que a tecnologia unificasse todas as funcionalidades em uma única plataforma. Desta maneira, os funcionários podem fazer trabalhos com outros colegas de forma colaborativa, além de trabalhar remotamente.

Infraestrutura na nuvem

Um modo de acelerar esta mudança é a computação em nuvem, que tem desenvolvido novos softwares para melhorar ainda mais o desempenho da empresa. A nuvem possibilita que o funcionário acesse redes, sistemas, e-mails e arquivos mesmo não estando no local de trabalho.

Este tipo de transformação digital ganha cada vez mais espaço nas empresas, e muda a maneira como se trabalha, armazena, utiliza dados e serviços. E o sistema telefônico não está fora desta era tecnológica, em que tudo acontece via nuvem.

Telefonia em nuvem

De forma favorável, o sistema de telefonia por nuvem utiliza a internet e possibilita o atendimento por aparelho telefônico convencional, pelo computador, tablet, celular, entre outros. O que facilita o trabalho home office não só com relação a compartilhamento de dados, mas atender e usar o telefone com o número da empresa. Além de ajudar no trabalho remoto, auxilia a empresa a acessar relatórios de chamadas, permite que a empresa faça a mudança de endereço e mantenha o mesmo número, sem precisar passar pela burocracia das operadoras de telecomunicações tradicionais – que atrasam e muitas vezes cobram por esse tipo de serviço.

A possibilidade de atender às chamadas da empresa por telefone ou qualquer aparelho com acesso à internet também facilita o atendimento – caso os aparelhos “convencionais” estejam sendo utilizados.

Como a telefonia em nuvem é IP (utiliza dados na internet), também conhecida por VoIP (Voice Over Internet Protocol – voz sobre IP), não é necessário preparar uma infraestrutura no ambiente da empresa, uma vez que o sistema já utilizado pode ser adaptado, o que não compromete o espaço. Sem contar que a própria equipe de TI pode fazer a manutenção, alterar ou gerar novos ramais.

Além disso, pode representar uma redução de até 70% nos custos com telecomunicação. Pois, por utilizar a internet, as ligações entre matriz e filial não geram cobrança, sem contar com as tarifas de baixo custo disponíveis no mercado. Existe ainda a possibilidade de ter as ligações gravadas e integradas com diversos CRM do mercado.

*Marco Lagoa é diretor técnico da Witec Solutions

Deixe uma resposta