Home  >  Carreira

O que fazer para ter sucesso como CISO?

Papel desses profissionais tem sofrido diversas mudanças. Habilidades de liderança e comunicação são essenciais

Jon Oltsik - CSO (EUA), com Redação

27/07/2018 às 18h26

CISO
Foto: Shutterstock

Legenda: CISO

O cargo de Chief Information Security Office (CISO) evoluiu nos últimos anos, saindo da função de gerente de TI com papel técnico a executivo de negócios estratégico para organizações. Com essa transição, quais qualidades são mais importantes para tornar os CISOs bem-sucedidos?

Dados de um relatório da empresa de pesquisas ESG e da Information Systems Security Association (ISSA) ajudam a entender o novo cenário.

O levantamento aponta que 54% dos CISOs acreditam que o sucesso depende das habilidades de liderança. Nesse caso, os CISOs devem liderar sua organização educando os colaboradores em riscos cibernéticos, criando um programa de treinamento de conscientização sob medida e estabelecendo uma cultura de segurança cibernética de cima para baixo.

Para 49% dos CISOs, habilidades de comunicação são importantes. Os CISOs devem ser capazes de articular tópicos sobre problemas como vulnerabilidades de software, inteligência de ameaças e criptografia, de forma que os profissionais de outras áreas de negócios possam entender. Isso porque os líderes de segurança da informação passaram a interagir com diversas áreas de negócios, como jurídico, RH, auditoria etc.

O aumento dos contatos com outros setores faz com que 44% dos CISOs acreditem que o sucesso da profissão depende de um forte relacionamento com executivos de negócios. Se os executivos estiverem ativos, engajados e tratarem o CISO como um igual, os CISOs têm a base certa para o sucesso, aponta o estudo.

Mesmo que as habilidades técnicas não sejam mais fator essencial, 33% dos CISOs destacam a importância de habilidades de gerenciamento. O número está baixo talvez pelo gerenciamento da equipe de segurança ser frequentemente delegado a relatórios diretos, enquanto os CISOs se concentram no gerenciamento de riscos e trabalham com executivos de negócios.

Ainda, 21% dos CISOs acreditam que o sucesso do cargo depende de habilidades técnicas - o que demonstra o quanto a atuação do CISO mudou nos últimos anos.

O fato é que as métricas de sucesso variam de acordo com o tamanho da empresa e da equipe de segurança. Quanto menor a organização, mais a responsabilidade está com o CISO. Além disso, CISOs costumam ter fortes relações de trabalho com os CIOs. Isso acontece porque, na maior parte das vezes, é difícil saber onde a TI termina e a segurança cibernética começa.

>Siga a Computerworld Brasil também nas redes sociais: Twitter, FacebookInstagram e LinkedIn

Deixe uma resposta