Home  >  Inovação

Gastos com IoT chegarão a US$ 1,2 trilhão em 2022

Guilherme Borini

18/06/2018 às 13h11

IoT
Foto:

Os gastos globais com internet das coisas (IoT) crescerão a uma taxa anual de 13,6% até 2022, chegando a US$ 1,2 trilhão daqui a quatro anos, aponta estudo da IDC.

À medida que o mercado de IoT diversificado atinge uma massa crítica de base ampla, ofertas inovadoras em software de análise, tecnologias de nuvem e serviços de negócios e de TI se expandiram rapidamente. "O mercado de IoT está em um ponto de virada - os projetos estão passando da prova de conceito para implementações comerciais", disse Carrie MacGillivray, vice-presidente do grupo de Internet das Coisas e Mobilidade da IDC. "As organizações estão procurando ampliar seus investimentos à medida que ampliam seus projetos, gerando gastos com hardware, software, serviços e conectividade necessários para permitir soluções de IoT."

Os destaques das previsões mostram que o setor de consumo liderará o crescimento de gastos da IoT com crescimento anual de 19%, seguido de perto pelos setores de seguros e de prestadores de serviços de saúde. Do ponto de vista de gastos totais, a fabricação e o transporte discretos excederão US$ 150 bilhões em gastos em 2022, o que os torna as duas maiores indústrias em gastos com IoT. A partir de uma perspectiva de caso de uso corporativo, as soluções de veículo para veículo (V2V) e de veículo para infra-estrutura (V2I) terão o crescimento de gastos mais rápido (29% ao ano) durante o período de previsão, seguido pelo gerenciamento de tráfego e pela segurança do veículo conectado.

spam.jpg

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *