Home  >  Inovação

Fabricante da Coca-Cola investe em automação para ganho de produtividade

Guilherme Borini

18/05/2018 às 8h41

coca-cola
Foto:

O Grupo Simões, fabricante da Coca-Cola e distribuidor dos produtos da Heineken na Região Norte, está apostando no chamado conceito de indústria 4.0 para automatizar suas fábricas. Com operações em Manaus, Belém e Porto Velho, o Grupo atende 42% do território nacional e tem como objetivo melhorar a performance das suas cinco linhas de produção que entregam em média 87 mil garrafas por hora.

O projeto terá três fases: a primeira será de medição das linhas de produção, a segunda trata-se da detecção automática de perdas no processo e a última será para apontamento automático da produção.

"Hoje estamos implantando a primeira fase em Manaus e até o final de 2018 teremos implantado em Belém e Porto Velho também", explica Alessandra Sanchez Fragoso, gerente de engenharia e produtividade do Grupo Simões.

A primeira fase do projeto prevê o monitoramento on-line dos indicadores de desempenho e manutenção das linhas de envase, com base na coleta automática de informações, minimizando a necessidade de apontamento manual e integrando o chão de fábrica com o ERP.

Segundo Alessandra, a empresa trabalhou com linhas contínuas de produção em alta velocidade para entender as oscilações que ocorrem durante o processo. "Para isso estamos instalando sensores com temporizadores que farão as medições da performance dos equipamentos e mostrarão, em tempo real, todas as variações do processo de produção", diz.

Com o projeto, os gerentes de planta, de produção e, até mesmo o diretor industrial do Grupo Simões, todos poderão acompanhar por monitores e interagir em tempo real, para solucionar problemas e melhorar o desempenho das fábricas.

chatbot

Parceiros

Para o projeto o Grupo Simões selecionou dois parceiros tecnológicos: a francesa Schneider Electric Softwarepara implantação do MES (Manufacturing Execution Systems), solução de conexão e automação industrial; e a brasileira Triad Systems, para a integração do MES com oSistema de Informações do Grupo Simões (SIGS), o Enterprise Resource Planning(ERP).

Tags

Tags:

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *